Busca avançada
Ano de início
Entree

As faunas de mar profundo do Atlântico Norte e sul estão conectadas? um estudo baseado na taxonomia dos aplacóforos caudofoveados (Mollusca)

Processo: 18/17718-5
Linha de fomento:Bolsas no Exterior - Estágio de Pesquisa - Doutorado
Vigência (Início): 01 de junho de 2019
Vigência (Término): 31 de maio de 2020
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Zoologia - Taxonomia dos Grupos Recentes
Pesquisador responsável:Flávio Dias Passos
Beneficiário:Marcel Sabino Miranda
Supervisor no Exterior: Ellen e Strong
Instituição-sede: Instituto de Biologia (IB). Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Campinas , SP, Brasil
Local de pesquisa : Smithsonian National Museum of Natural History, Estados Unidos  
Vinculado à bolsa:17/01081-5 - Caudofoveata (Mollusca, Aplacophora) do nordeste brasileiro: taxonomia, distribuição e aspectos ecológicos, BP.DR
Assunto(s):Taxonomia   Aplacophora   Malacologia   Biogeografia   Conectividade

Resumo

Caudofoveata é um importante componente dos bentos de mar profundo, sendo um grupo dominante em alguns locais, e tendo espécies com distribuições extensas. Apesar dessa importância, os Caudofoveata são pouco conhecidos, especialmente com relação à sua diversidade e padrões de distribuição no Oceano Atlântico Sul. Recentemente, através da análise de amostras coletadas na costa Nordeste Brasileira, cerca de 13 espécies foram obtiadas e estão sobre estudos. Algumas delas são muito similares com espécies dos EUA, Golfo do México e Mar do Caribe, e essa similaridade desencadeou a necessidade de uma comparação entre elas, por uma análise detalhada do material depositado no National Museum of Natural History (USNM), incluindo os tipos de muitas espécies descritas para o Atlântico Norte. Portanto, por essa comparação, esta proposta de BEPE-DR tem como objetivo avaliar a conectividade entre as faunas do Atlântico Noroeste e Sudoeste de aplacóforos caudofoveados, através da descrição de novas ocorrências do Brasil, e também, pelas espécies novas, até então desconhecidas. O material da coleção do USNM será analisado pelas morfologia, assim como pela observação detalhada de vários caracteres do disco oral, radula e escleritos, pela microscopia eletrônica de varredura. Para as mesmas espécies encontradas no Brasil e no Atlântico Norte, modelos de distribuição serão aplicados para avaliar se elas podem ocorrer em outras áreas. Este estudo proverá informações valiosas sobre a taxonomia e distribuição geográfica de um grupo importante e pouco conhecido da fauna de bentos de mar profundo.