Busca avançada
Ano de início
Entree

Evolução molecular e diversidade genética de toxinas em Nemertea

Processo: 18/12502-4
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de novembro de 2018
Vigência (Término): 30 de junho de 2020
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Zoologia - Zoologia Aplicada
Pesquisador responsável:Sónia Cristina da Silva Andrade
Beneficiário:Gabriel Gonzalez Sonoda
Instituição-sede: Instituto de Biociências (IB). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:15/20139-9 - Genética de paisagens marinha e avaliação de perfis de expressão em invertebrados marinhos na costa sudeste brasileira, AP.JP
Assunto(s):Evolução molecular   Variação genética   Toxinas em animal   Nemertea   Ceará

Resumo

Nemertea é um filo composto por animais vermiformes, a maioria marinha e carnívora. Estes animais são dotados de toxinas, as quais usam tanto para predação quanto para defesa. Contudo, pouco se sabe sobre a diversidade de toxinas presentes neste clado e tampouco sobre sua função exata na biologia de muitos de seus representantes. Este estudo busca identificar se há variabilidade genética em três genes candidatos que codificam toxinas em nemertinos da costa Brasileira e caracterizar sua diversidade intra e interespecífica. Serão realizadas análises de evolução molecular a fim de se estimar um possível papel da seleção natural sobre a evolução desses genes candidatos codificantes de toxinas. Para isto, serão analisadas cinco espécies, das quais quatro serão coletadas no litoral Norte do estado de São Paulo (Lineus bonaerensis, Nemertopsis bivitatta, Ototyphlonemertes lactea e O. erneba), e Cerebratulus lineolatus, cujos exemplares foram previamente coletados no Estado do Ceará.