Busca avançada
Ano de início
Entree

Influência do GMPc e suas vias de sinalização no perfil lipídico de oócitos e embriões produzidos in vitro

Processo: 18/20527-7
Linha de fomento:Bolsas no Exterior - Estágio de Pesquisa - Mestrado
Vigência (Início): 01 de fevereiro de 2019
Vigência (Término): 31 de julho de 2019
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Medicina Veterinária - Reprodução Animal
Pesquisador responsável:Cláudia Lima Verde Leal
Beneficiário:Letícia Schefer
Supervisor no Exterior: Matthew Benjamin Wheeler
Instituição-sede: Faculdade de Zootecnia e Engenharia de Alimentos (FZEA). Universidade de São Paulo (USP). Pirassununga , SP, Brasil
Local de pesquisa : University of Illinois at Urbana-Champaign, Estados Unidos  
Vinculado à bolsa:17/05483-0 - Influência do segundo mensageiro GMPc e suas vias de sinalização no conteúdo lipídico de complexos cumulus-oócitos bovinos maturados in vitro, BP.MS
Assunto(s):Maturação in vitro   Bos taurus

Resumo

Estudos anteriores mostraram que os complexos cumulus-oócitos bovinos (CCOs) expressam transcrições de várias enzimas da via GMPc incluindo aquelas para sua síntese (GUCY1B3), degradação (PDE5A) e sinalização (PKG1 e PKG2), e que o SFB em meio MIV afeta a expressão de algumas dessas transcrições, bem como diminui os níveis de cGMP. A inibição da síntese do GMPc com sildenafil durante a MIV reduziu o conteúdo lipídico nos oócitos, enquanto o SFB aumentou; a associação de sildenafil na presença de SFB diminuiu lipídios e tal efeito foi revertido pela inibição da PKG. Com isso, estes resultados sugerem que a via GMPc-PKG está envolvida, pelo menos em parte, no controle do metabolismo lipídico em CCOs bovinos. A síntese de GMPc pode ser estimulada através da ativação dos receptores GUCY (guanilil ciclase solúvel) ou peptídeos natriuréticos (NPR1 e NPR2, guanilil ciclase de membrana), que também são expressos em CCOs bovinos. Os peptídeos natriuréticos NPPA e NPPB ativam a NPR1, enquanto a NPPC ativa a NPR2. O uso da Protoporfirina IX (ativador de GUCY) e de NPPB reduziu o conteúdo lipídico em oócitos, enquanto NPPA e NPPC não tiveram efeito. Nenhum dos estimuladores da síntese de GMPc afetou a maturação do oócito. Para investigar melhor o papel da via GMPc no metabolismo lipídico em CCOs bovinos, propomos analisar os efeitos da estimulação da síntese de GMPc durante a MIV nos perfis lipídicos de oócitos bovinos, células do cumulus e embriões produzidos in vitro. No experimento 1, CCOs bovinos serão submetidos a MIV com Protoporfirina IX, NPPB ou em estimuladores (controle) e será avaliado o perfil lipídico dos oócitos e células do cumulus por espectrometria de massa. No segundo experimento, os mesmos grupos serão avaliados em relação ao desenvolvimento embrionário (% clivagem e blastocisto), conteúdo lipídico e criotolerância. No terceiro experimento, também os mesmos grupos serão avaliados em relação ao perfil lipídico de embriões produzidos in vitro por espectrometria de massa.