Busca avançada
Ano de início
Entree

Diagnóstico comparativo da leishmaniose visceral canina por técnica imunológica e molecular

Processo: 18/13608-0
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de novembro de 2018
Vigência (Término): 31 de dezembro de 2018
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Medicina Veterinária
Pesquisador responsável:Katia Denise Saraiva Bresciani
Beneficiário:Francine Rodrigues Navarro
Instituição-sede: Faculdade de Medicina Veterinária (FMVA). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Araçatuba. Araçatuba , SP, Brasil
Assunto(s):Leishmaniose visceral   Cães

Resumo

A leishmaniose visceral canina (LVC) é uma zoonose de ocorrência mundial, o Brasil é considerado o sétimo país com maior concentração de novos casos de leishmaniose humana, em áreas endêmicas, sendo o cão doméstico (Canis familiaris) o principal reservatório da Leishmania infantum. O objetivo do presente estudo é comparar a eficácia dos diagnósticos da leishmaniose visceral canina por técnicas imunológicas e moleculares. Um total de 130 cães domiciliados na área urbana do município de Araçatuba, SP, serão coletado sangue periférico e o swab conjuntival, para análise sorológica, usando o enzyme-linked immunosorbent assay (ELISA) e o Dual Plate Plataform (DPP - Bio-Manguinhos®) e molecular, PCR em tempo real. A análise estatística consistirá de estatística descritiva e inferencial. Será utilizado o teste de McNemar para comparar a proporção de resultados positivos das técnicas de diagnósticos e coeficiente de concordância Kappa. As estatísticas serão consideradas significativas quando p<0,05. Os valores da sensibilidade e especificidade dos testes serão determinados, considerando soma de todos os diagnósticos como teste padrão-ouro.

Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.