Busca avançada
Ano de início
Entree

Formulação do [10]-gingerol: estudos in vitro em células de câncer de mama triplo negativo

Processo: 18/17756-4
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de novembro de 2018
Vigência (Término): 31 de outubro de 2019
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Morfologia - Citologia e Biologia Celular
Pesquisador responsável:Ana Carolina Baptista Moreno Martin
Beneficiário:Ideli Zanesco Fontes Baptista
Instituição-sede: Centro de Ciências Biológicas e da Saúde (CCBS). Universidade Federal de São Carlos (UFSCAR). São Carlos , SP, Brasil
Assunto(s):Neoplasias mamárias   Receptores hormonais   Produtos naturais   Qualidade de vida   Técnicas in vitro

Resumo

O câncer de mama é a neoplasia que mais acomete mulheres em todo o mundo e pode ser classificado em diferentes tipos. Entre eles, o câncer de mama triplo negativo (TN) é caracterizado por não possuir receptores hormonais e nem receptor HER2, e corresponde à aproximadamente 20% dos casos. Apresenta alta atividade metastática, principalmente para órgãos vitais como ossos, pulmões e cérebro, consequentemente possuindo um pior prognóstico. Devido às suas características celulares o câncer TN não possui terapias-alvo, e por isso a busca por novos tratamentos é de extrema importância, tanto para aumentar a expectativa de vida dos indivíduos acometidos pelo câncer, quanto para melhoria da qualidade de vida dos mesmos a partir da diminuição dos efeitos colaterais dos únicos tratamentos disponíveis no momento (quimioterapia e radioterapia). Dessa forma, os produtos naturais são ricas fontes para a busca de novas moléculas aplicadas à terapia contra o câncer de mama TN, alguns deles já evidenciados com propriedades antitumorais e antimetastáticas in vitro e in vivo. Resultados prévios do nosso grupo de pesquisa já demonstraram a eficácia da molécula de [10]-gingerol (10G) em sua ação citotóxica, pró-apoptótica e antimetastática in vitro e in vivo em câncer de mama TN. Porém, devido sua baixa solubilidade em tampões aquosos, sua eficácia pode estar sendo reduzida, principalmente in vivo. Assim, o objetivo desse projeto é estudar diferentes formulações do 10G e verificar sua atividade in vitro.