Busca avançada
Ano de início
Entree

Aplicação superficial de calcário e de fosfogesso e formas de fósforo em um latossolo sob semeadura direta

Processo: 18/08586-8
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado
Vigência (Início): 01 de novembro de 2018
Vigência (Término): 31 de dezembro de 2020
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Agronomia - Ciência do Solo
Pesquisador responsável:Luís Reynaldo Ferracciú Alleoni
Beneficiário:Ruan Francisco Firmano
Instituição-sede: Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz (ESALQ). Universidade de São Paulo (USP). Piracicaba , SP, Brasil
Bolsa(s) vinculada(s):19/01213-4 - Técnicas espectroscópicas na avaliação de espécies de fósforo em um Latossolo e minerais do solo, BE.EP.DR
Assunto(s):Química do solo   Calcário   Fosfogesso   Fósforo   Latossolos   Semeadura   Espectroscopia   Soja   Fracionamento químico

Resumo

Solos do trópico úmido são geralmente ácidos, e a calagem é requerida para aumentar o pH e a saturação por bases, e reduzir os teores de alumínio trocável (Al3+). O fósforo (P) associa-se fortemente à fase mineral de solos tropicais altamente intemperizados, e sua disponibilidade às plantas aumenta com o aumento do pH. No Sistema de Semeadura Direta (SSD) já consolidado, a calagem é feita em superfície, sem incorporação. No longo prazo, há incremento do teor de Matéria Orgânica do Solo (MOS) nas camadas mais superficiais do solo cultivado sob SSD. As formas de P associadas ao Carbono (C) orgânico constituem uma reserva para mineralização em curto e médio prazos, o que merece especial atenção em solos com baixos teores disponíveis de P. Pouco se conhece sobre os efeitos em longo prazo da calagem e da aplicação de fosfogesso na formação de compostos fosfatados orgânicos e inorgânicos, bem como sua relação com a atividade biológica e com os atributos mineralógicos dos óxidos de Fe do solo. Neste projeto espera-se (i) identificar alterações no grau de cristalinidade e na especiação em estado sólido do Fe contido em (hidr)óxidos com altas capacidades de adsorção de P no solo por espectroscopia de absorção de raios-X após a borda K do Fe; (ii) realizar a especiação de P em estado sólido por espectroscopia de absorção de raios-X e o fracionamento químico sequencial do nutriente para identificar alterações nos compostos ou frações contendo P; (iii) relacionar as formas orgânicas de P obtidas por ressonância nuclear magnética do 31P com as atividades de enzimas que participam do ciclo do P e do C, e com os atributos químicos do solo, teores de P disponíveis às plantas, estado nutricional e produtividade da soja após adição continuada de calcário e/ou fosfogesso num latossolo sob SSD. (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
ANTONANGELO, JOAO A.; FIRMANO, RUAN F.; ZHANG, HAILIN; COLZATO, MARINA; ABDALA, DALTON B.; CARVALHO, HUDSON W. P.; DE OLIVEIRA JUNIOR, ADILSON; ALLEONI, LUIS R. F. Phosphorus speciation by P-XANES in an Oxisol under long-term no-till cultivation. Geoderma, v. 377, NOV 1 2020. Citações Web of Science: 0.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.