Busca avançada
Ano de início
Entree

Efeitos da disponibilidade hídrica e aumento da temperatura nos grãos de pólen de Bromeliaceae da reserva da biosfera do Cinturão Verde de São Paulo

Processo: 18/13992-5
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado
Vigência (Início): 01 de novembro de 2018
Vigência (Término): 30 de novembro de 2019
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Botânica - Botânica Aplicada
Pesquisador responsável:Cynthia Fernandes Pinto da Luz
Beneficiário:Valéria Leobina dos Santos
Instituição-sede: Instituto de Botânica. Secretaria do Meio Ambiente (São Paulo - Estado). São Paulo , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:17/50341-0 - Desafios para conservação da biodiversidade frente às mudanças climáticas, poluição e uso e ocupação do solo (PDIP), AP.PDIP
Assunto(s):Palinologia   Alta temperatura   Mudança climática   Reservas florestais   Biosfera   Pólen   Bromeliaceae   Tillandsia   São Paulo (SP)   Fotônica   Microscopia eletrônica de varredura

Resumo

Com a tendência das últimas décadas de elevação das temperaturas e maiores períodos de seca na Reserva da Biosfera do Cinturão Verde de São Paulo (RBCV-SP), faz-se necessário um estudo sobre o impacto que esses agentes estressores vêm causando nas plantas nativas dessa região e naquelas mantidas in situ e ex situ. A polinização bem-sucedida, com grãos de pólen viáveis, é fator essencial para a manutenção da vegetação nativa. Dentre os agentes estressores, a disponibilidade hídrica e o aumento de temperatura têm sido considerados como importantes fatores que afetam o período reprodutivo das plantas. Os efeitos desses fatores foram observados em espécies de Bromeliaceae, consideradas indicadoras de alterações ambientais. O objetivo desse estudo é realizar uma avaliação palinológica que abranja a morfologia polínica clássica utilizando ferramentas tecnológicas, como a microscopia fotônica e eletrônica de varredura, para verificar possíveis anormalidades em grãos de pólen de Tillandsia L. e Vriesea Lindl. nativas da RBCV-SP devido a exposição aos fatores associados às mudanças climáticas que vem ocorrendo nas últimas décadas. Serão também avaliados os efeitos da suspensão hídrica e aumento da temperatura sobre a produtividade e viabilidade polínica em plantas de Nidularium minutum Mez por meio de simulações da situação futura prevista devido às alterações climáticas. Para isto serão montados experimentos de indução floral com uso de Ethephon. Essa espécie é endêmica da Serra de Paranapiacaba e lotes de plantas destinados aos experimentos controlados estão sendo mantidos em casa de vegetação do Instituto de Botânica de São Paulo, Parque Estadual das Fontes do Ipiranga. Os dados serão comparados aos grãos de pólen de plantas mantidas em condições que representem a situação anterior às mudanças climáticas previstas para o final do século XXI. (AU)