Busca avançada
Ano de início
Entree

Efeito do silenciamento de Foxp3 na inmunogenicidade de vacinas contra Sporothrix schenckii

Processo: 18/15187-2
Linha de fomento:Bolsas no Exterior - Estágio de Pesquisa - Pós-Doutorado
Vigência (Início): 20 de abril de 2019
Vigência (Término): 19 de abril de 2020
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Farmácia
Pesquisador responsável:Iracilda Zeppone Carlos
Beneficiário:Alexander Batista Duharte
Supervisor no Exterior: Salvador Francisco Aliño Pellicer
Instituição-sede: Faculdade de Ciências Farmacêuticas (FCFAR). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Araraquara. Araraquara , SP, Brasil
Local de pesquisa : Universitat de València, Espanha  
Vinculado à bolsa:16/04250-0 - Papel das células t reguladoras CD4+CD25+FOXP3+ na resposta imune contra Sporothrix schenckii após infecção e vacinação, BP.PD
Assunto(s):Resposta imune   Vacinas   Linfócitos T reguladores

Resumo

O presente projeto propõe o uso da tecnologia de silenciamento do gene Foxp3 para avaliar a influência das células T reguladoras (Tregs) na resposta imune contra uma vacina de proteína de parede e uma vacina recombinante baseada em enolase contra S. schenckii. O efeito de depleção na resposta primária e secundária será avaliado de forma separada e simultaneamente. O uso do camundongo transgênico DEREG que vem sendo utilizado no projeto para a depleção das Tregs, apesar de suas muitas vantagens sobre outros modelos, devido à sua especificidade e a capacidade de depletar Tregs em qualquer ponto da infecção ou vacinação, tem como desvantagem que não permite a depleção sostenida dessas células, sendo difícil obter resultados confiáveis para caracterizar o efeito de Tregs em esquemas de vacinação de múltiplas doses. O silenciamento do gen Foxp3 é uma alternativa que supera esta dificuldade que pode ser utilizado várias vezes num mesmo animal para avaliar o efeito de depleção controlada e prolongada de Tregs, como tem sido demonstrado em vacinas antitumorais pelo grupo do professor Salvador Aliño (Universidade de Valencia, Espanha) , sem evidência de indução de efeitos auto-imunes. O uso dessa metodologia permitiria avaliar o efeito simultâneo nas doses múltiplas, o que não é possível com o camundongo DEREG. Paralelamente, com essa metodologia, será avaliada a possibilidade de usar silenciadores genéticos de Foxp3 pela primeira vez como adjuvantes moleculares em uma vacina antifúngica. O projeto consiste em três etapas: 1) Obtenção das preparações de vacinas e o oligonucleotídeo de silenciamento Foxp3 (ASOfoxp3). 2) Avaliação do efeito do silenciamento do gene FoxP3 na imunogenicidade das vacinas em estudo e na resposta das células Tregs. 3) Avaliar o efeito do silenciamento do gene FoxP3 na eficácia protetora das vacinas em estudo em modelos de desafio com S. schenckii.