Busca avançada
Ano de início
Entree

Avaliação da progressão da lesão periapical frente a indução de stress crônico

Processo: 18/20134-5
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de novembro de 2018
Vigência (Término): 31 de outubro de 2019
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Odontologia - Endodontia
Pesquisador responsável:Marcia Carneiro Valera Garakis
Beneficiário:Jessica Lopes de Andrade
Instituição-sede: Instituto de Ciência e Tecnologia (ICT). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de São José dos Campos. São José dos Campos , SP, Brasil
Assunto(s):Sistema hipotálamo-hipofisário   Lesões periapicais   Estresse crônico   Corticosterona   Técnicas histológicas   Modelos animais

Resumo

A proposta deste estudo é avaliar a progressão da lesão periapical em diferentes períodos frente a estimulação do eixo hipotálamo-hipófise-adrenal pelo estresse crônico. Será utilizado modelo animal de periapicopatia e estresse crônico. O estresse terá início 21 dias antes da indução da lesão, e a progressão da lesão será avaliada em 3 períodos diferentes: após 14, 21 e 28 dias do início da indução da lesão. Será avaliado o nível de corticoesterona sanguínea para confirmação do estresse. A avaliação da progressão da lesão periapical será realizada utilizando análise histológica e histomorfométrica da destruição óssea periapical. Os dados serão avaliados por testes estatísticos descritivos e inferenciais, conforme dados obtidos, segundo sua normalidade, com testes paramétricos ou não paramétricos.