Busca avançada
Ano de início
Entree

Avaliação de propriedades físico-químicas de cimentos experimentais reparadores à base de silicato tricálcio

Processo: 18/20676-2
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de novembro de 2018
Vigência (Término): 31 de outubro de 2020
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Odontologia - Endodontia
Pesquisador responsável:Marco Antonio Hungaro Duarte
Beneficiário:Maria Carolina Guiotti de Oliveira
Instituição-sede: Faculdade de Odontologia de Bauru (FOB). Universidade de São Paulo (USP). Bauru , SP, Brasil
Assunto(s):Biomateriais   Propriedades físico-químicas   Cimentos endodônticos   Silicato tricálcico   Radiopacidade   Volumetria

Resumo

Um dos desafios da endodontia, especialmente em relação à ciência de materiais, é o desenvolvimento de materiais que promovam a regeneração e/ou reparo dos tecidos pulpar/periapical. Com isso, novos materiais endodônticos têm sido propostos. No entanto, vale ressaltar que, antes da aplicação clínica e comercialização desses novos biomateriais vários testes laboratoriais são necessários. Assim, o objetivo deste estudo é analisar as propriedades físico-químicas de dois cimentos experimentais reparadores (CER 1 e CER 2) à base de silicato tricálcio e compará-los com os cimentos endodônticos MTA e Biodentine. Para a análise da radiopacidade e a determinação do tempo de presa serão seguidas as especificações das normas ISO 6876/2001. A solubilidade será realizada de acordo com a especificação ISO 6876/2012 e por meio de metodologia de análise volumétrica em Micro-CT. Em função da natureza dos dados os resultados serão submetidos aos testes de D'Agostino e Pearson para verificação de distribuição normal para escolha do teste estatístico mais adequado (p<0.05).