Busca avançada
Ano de início
Entree

Avaliação de propriedades de superfície de resinas acrílicas para base protética após a incorporação de nanocristais de celulose

Processo: 18/07449-7
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de novembro de 2018
Vigência (Término): 31 de outubro de 2019
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Odontologia - Materiais Odontológicos
Pesquisador responsável:Ana Carolina Pero Vizoto
Beneficiário:Hamile Emanuella do Carmo Viotto
Instituição-sede: Faculdade de Odontologia (FOAr). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Araraquara. Araraquara , SP, Brasil
Assunto(s):Materiais dentários   Prótese total   Propriedades físicas   Biopolímeros   Nanocristais   Celulose   Rugosidade superficial   Resinas acrílicas   Polimerização

Resumo

A utilização de biopolímeros de fontes renováveis como agentes de reforço nanométricos pode representar uma importante inovação em materiais odontológicos. O objetivo desse estudo será avaliar se a incorporação de nanocristais de celulose (CNC) utilizados como agentes de reforço em poli (metil metacrilato) tem influência na rugosidade e energia livre de superfície em resinas acrílicas para base de prótese (Lucitone 550 - LU, termo polimerizável em banho de água, e Onda-Cryl - OC, ativada por energia de micro-ondas). Serão obtidos discos de resina acrílica (15 x 3 mm), e estabelecidos dez grupos experimentais (n=10), de acordo com o tipo de resina acrílica e concentração de CNC (0%, 0,25%, 0,5%, 0,75% e 1,00%). A rugosidade será mensurada em rugosímetro digital Ra (µm) e a energia livre de superfície será mensurada a partir de medidas de ângulo de contato, obtidas por meio de um goniômetro conectado a um sistema computadorizado. Os dados serão tabulados e submetidos a testes estatísticos adequados, de acordo com a aderência à normalidade, e será empregado um nível de significância de 5%.