Busca avançada
Ano de início
Entree

A Experiência Dos Movimentos Sociais em Goiás Debates Historiográficos e Redes Sociais (1950-1984)

Processo: 18/00895-1
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Pós-Doutorado
Vigência (Início): 01 de novembro de 2018
Vigência (Término): 31 de outubro de 2020
Área do conhecimento:Ciências Humanas - História - História do Brasil
Pesquisador responsável:Claudio Henrique de Moraes Batalha
Beneficiário:Luiz Felipe Cezar Mundim
Instituição-sede: Instituto de Filosofia e Ciências Humanas (IFCH). Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Campinas , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:13/21979-5 - Entre a escravidão e o fardo da liberdade: os trabalhadores e as formas de exploração do trabalho em perspectiva histórica, AP.TEM
Assunto(s):Historiografia   Goiás   História social   Movimentos sociais   Redes sociais

Resumo

A pesquisa pretende retomar a história da luta dos trabalhadores em Goiás, da segunda metade do século XX, revisitando ou redescobrindo tantas fontes dispersas sobre esse tema e período. A intenção é dar início à apresentação de um grande quadro geral dos movimentos sociais em Goiás, tendo um artigo com levantamento bibliográfico crítico das 38 teses e dissertações encontradas, e podendo ter futuramente como produtos: um dicionário biográfico dos movimentos sociais, e uma obra de síntese do tema. Além disso, artigos temáticos que envolvam a análise dos dados recolhidos, sendo que um deles, no âmbito do Pós-Doutorado pela Unicamp, deverá incluir a construção de uma base de dados com as fontes do Dops-Go, da Seção de Identificação Criminal da Polícia Civil de Goiânia e de outros fundos do Arquivo Nacional, como a SUDECO, para a apresentação em artigo de uma análise de rede social desses movimentos, de 1950 a 1984. O interesse vem de uma demanda de sentido provocada pela mudança de perspectivas do trabalho livre no atual mundo do trabalho. No contexto de refluxo das lutas de 2013, no final de 2015 uma nova jornada de lutas ligando Goiás ao resto do país se fez presente na vida de boa parte dos trabalhadores, indicando a busca por um novo repertório de ação dos movimentos contra os ataques sistemáticos aos direitos sociais conquistados pelas lutas ao longo do século XX. O projeto inclui uma proposta de disciplina na graduação, que será realizada tanto num recorte mais teórico e metodológico em torno do tema de história e movimentos sociais, quanto sobre os movimentos sociais em si no Brasil no século XX.