Busca avançada
Ano de início
Entree

Produção de vetores lentivirais em condições escalonáveis para geração de células t-car para terapia celular

Processo: 18/13307-0
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de novembro de 2018
Vigência (Término): 31 de julho de 2020
Área do conhecimento:Engenharias - Engenharia Química
Convênio/Acordo: Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES)
Pesquisador responsável:Kamilla Swiech Antonietto
Beneficiário:Mariane Cariati Tirapelle
Instituição-sede: Faculdade de Ciências Farmacêuticas de Ribeirão Preto (FCFRP). Universidade de São Paulo (USP). Ribeirão Preto , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:14/50947-7 - INCT 2014: em Células Tronco e Terapia Celular no Câncer, AP.TEM
Assunto(s):Reatores biológicos

Resumo

Os estudos com a utilização de linfócitos T modificados com receptores de antígenos quiméricos (CAR) têm obtido resultados expressivos no tratamento de leucemias e linfomas. Os lentivírus são muito utilizados como vetores de modificação gênica, devido a sua estabilidade de integração ao genoma de células, eficiência de transdução e segurança. O cultivo em monocamada torna-se limitado por não responder a demanda de produção em larga escala destes vetores, sendo necessário o cultivo celular em suspensão para aplicação em biorreatores. O objetivo deste projeto é realizar a produção de partículas lentivirais em condições escalonáveis e de acordo com as Boas Práticas de Fabricação, utilizando culturas em suspensão livres de SFB, para a geração de células T-CAR. Portanto, células da linhagem HEK293T, adaptadas ao cultivo em suspensão, serão utilizadas para produção de partículas lentivirais que expressam a proteína sintética CAR anti-CD19. Inicialmente, experimentos em pequena escala serão realizados mediante a transfecção transiente utilizando PEI. Nesta etapa, os parâmetros, como a utilização de aditivos para aumento da eficiência e as proporções de plasmídeos e do agente de transfecção PEI, serão avaliados e aplicados para produção em biorreator tanque agitado. Espera-se com este projeto o desenvolvimento de uma plataforma eficiente, reprodutível e viável economicamente para uma produção de vetores lentivirais que contribua de maneira significativa para as pesquisas relacionadas a imunoterapia celular.