Busca avançada
Ano de início
Entree

Avaliação de probiótico Lactobacillus salivarius L28 ou antibióticos em doses subterapêuticas com ou sem ionóforos sobre parâmetros de rúmen em modelo de cultura contínua

Processo: 18/23359-8
Linha de fomento:Bolsas no Exterior - Estágio de Pesquisa - Iniciação Científica
Vigência (Início): 02 de janeiro de 2019
Vigência (Término): 01 de abril de 2019
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Zootecnia - Nutrição e Alimentação Animal
Pesquisador responsável:Danilo Domingues Millen
Beneficiário:Evandro Fernando Ferreira Dias
Supervisor no Exterior: Jhones Onorino Sarturi
Instituição-sede: Faculdade de Ciências Agrárias e Tecnológicas. Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Dracena. Dracena , SP, Brasil
Local de pesquisa : Texas Tech University (TTU), Estados Unidos  
Vinculado à bolsa:18/07579-8 - Morfometria do ceco de bovinos Nelore confinados submetidos ao uso de virginiamicina para redução do período de adaptação e aumento do peso de carcaça, BP.IC
Assunto(s):Bovinos

Resumo

Este estudo busca elucidar os efeitos de uma cepa recém-isolada de Lactobacillus salivarius L28 em comparação com Tilosina, um antibiótico sub-terapêutico. Portanto, o objetivo deste projeto é avaliar os efeitos de um novo probiótico (Lactobacillus salivarius L28) e Tilosina, com e sem monensina sódica, sobre parâmetros ruminais em modelo de cultura contínua. O experimento será conduzido no Texas Tech Burnett Center, e as amostras de líquido ruminal serão coletadas de bovinos previamente canulados no rúmen. As amostras serão incubadas em sistema de cultura contínua, onde serão avaliados os seguintes tratamentos: CON (Sem Tilosina, L28, ou Monensina Sódica), TY (Tilosina), MONTY (Monensina Sódica e Tilosina), PRO (L28), MONPRO (Monensina Sódica e L28). Após a cultura, as seguintes variáveis serão medidas e avaliadas: concentrações de ácidos graxos de cadeia curta (AGCC), pH, nitrogênio amoniacal (NH3-N), eficiência de proteína microbiana e digestibilidade da matéria orgânica. Ao final do experimento, todos os dados serão analisados com a câmara de incubação in vitro como unidade experimental (n = 6 por tratamento), tratamento como efeito fixo (n = 5) e lote (n = 3) como efeito aleatório nos procedimentos GLIMMIX do SAS.