Busca avançada
Ano de início
Entree

Clonagem, expressão e caracterização de luciferases de fengodídeos e proteínas do sistema bioluminescente: aspectos estruturais, funcionais e evolutivos

Processo: 18/17855-2
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado Direto
Vigência (Início): 01 de dezembro de 2018
Vigência (Término): 28 de fevereiro de 2022
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Bioquímica - Biologia Molecular
Pesquisador responsável:Vadim Viviani
Beneficiário:Daniel Rangel de Souza
Instituição-sede: Centro de Ciências e Tecnologias para a Sustentabilidade (CCTS). Universidade Federal de São Carlos (UFSCAR). Sorocaba , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:10/05426-8 - Bioluminescência de artrópodes: diversidade biológica em biomas brasileiros; origem bioquímica; evolução estrutural/funcional de luciferases; diferenciação molecular das lanternas; aplicações biotecnológicas, ambientais e educacionais, AP.TEM
Assunto(s):Bioluminescência   Clonagem   Luciferases   Coleópteros   Luciferina de vaga-lumes   Biossíntese

Resumo

Diversas luciferases de espécies de coleópteros Neotropicais já foram clonadas por nosso grupo de pesquisa nas últimas décadas, no entanto, muitas ainda permanecem desconhecidas quanto sua estrutura primária e aspectos funcionais e evolutivos. Considerando que as luciferases de fengodídeos foram as menos estudadas e com menor número de enzimas clonadas até agora, é de grande importância sua clonagem e caracterização, visto a ampla gama de espécies que apresentam diferentes espectros de bioluminescência. Além do mais, tais enzimas podem apresentar diferentes pH ótimo e afinidade com ATP e luciferina, o que as tornam de interesse biotecnológico. Desse modo, nesse trabalho iremos clonar, expressar e caracterizar as luciferases ativas das lanternas da cabeça e laterais da fase larval de fengodídeos, tais como Mastinomorphus e Taximastinocerus e dos adultos, como Taximastinocerus, Mastinocerus nigricollis, Phrixotrix hirtus e Euryopa spp. Também é pretendido a realização da clonagem e caracterização de proteínas possivelmente envolvidas com o controle da bioluminescência e biossíntese de luciferina em Coleópteros, tais como LRE (Luciferin-Regenerating Enzyme), esterases, phenoloxidase e ferritina. (AU)