Busca avançada
Ano de início
Entree

Medicina Tropical em Português: o papel das Tripanossomíases humanas para as relações médico-científicas luso-brasileiras (1901-1923)

Processo: 17/18101-9
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado
Vigência (Início): 01 de dezembro de 2018
Situação:Interrompido
Área do conhecimento:Ciências Humanas - História - História das Ciências
Pesquisador responsável:André Mota
Beneficiário:Ewerton Luiz Figueiredo Moura da Silva
Instituição-sede: Faculdade de Medicina (FM). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Bolsa(s) vinculada(s):19/02786-8 - Medicina Tropical em Português: o papel das tripanossomíases humanas para as relações médico-científicas luso-brasileiras (1901-1923), BE.EP.DR
Assunto(s):História da medicina   Medicina tropical   Tripanossomíase africana   Doença de Chagas   Brasil   Portugal   Século XX

Resumo

Este projeto objetiva contribuir para o debate historiográfico sobre as relações médico-científicas entre Brasil e Portugal sob o âmbito da Medicina Tropical no início do século XX. Por meio da consulta aos principais periódicos médicos publicados nos dois países, almeja-se aqui, compreender a repercussão, em Portugal, das pesquisas brasileiras em torno da Doença de Chagas - tida, simultaneamente, como emblema da Ciência do país e símbolo de uma nação doente - e as ressonâncias, no Brasil, das investigações em torno da Doença do Sono - que adquiriram grande importância para Portugal em decorrência de seu império colonial africano. As balizas temporais situam-se entre 1901 - ano do envio da primeira missão científica portuguesa para a África com o intuito de estudar a Doença do Sono - e 1923, quando, oficialmente foi encerrada uma controvérsia no Brasil em torno da autoria da descoberta da Doença de Chagas. Desta forma, este estudo situa-se em um contexto histórico de amplo debate científico sobre estas duas enfermidades onde médicos brasileiros e portugueses ofereceram suas contribuições. (AU)