Busca avançada
Ano de início
Entree

Isolamento e caracterização de micro-organismos endofíticos promotores de crescimento em pastagem (Brachiaria brizantha)

Processo: 18/17033-2
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de dezembro de 2018
Vigência (Término): 30 de novembro de 2019
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Agronomia - Fitotecnia
Pesquisador responsável:Manuella Nóbrega Dourado Ribeiro
Beneficiário:Aline Aparecida Oliveira Ferreira
Instituição-sede: Pró-Reitoria de Pós-Graduação, Pesquisa, Extensão e Inovação. Universidade de Sorocaba (UNISO). Sorocaba , SP, Brasil
Assunto(s):Microbiologia agrícola   Produção agrícola   Micro-organismos endofíticos   Pastagens   Brachiaria   Enzimas   Adenosina desaminase   Auxinas

Resumo

A pastagem é uma das principais culturas do Brasil, sendo que uma das mais utilizadas é Brachiaria brizantha. Várias bactérias endofíticas têm favorecido o crescimento de plantas através do aumento de absorção de nutrientes, da produção de fitormônios (principalmente auxinas) e enzimas. Existem endófitos na maioria dos tecidos vegetais e em um amplo número de plantas, colonizando-as sistemicamente por colônias de bactérias residentes em espaços intercelulares, no interior do tecido vascular, ou no interior das células. Endófitos são aqueles micro-organismos que colonizam o interior das plantas sendo encontrados em órgãos e tecidos vegetais sadios e não causam prejuízos à planta hospedeira. Apesar da grande importância econômica e de se conhecer essa potencial interação benéfica: bactéria-planta, há poucos estudos com bactérias promotoras de crescimento em pastagens. O presente trabalho terá como objetivo isolar e caracterizar bactérias endofíticas promotoras de crescimento em pastagem (Brachiaria brizantha). Serão isoladas bactérias endofíticas de folhas e raízes das plantas encontradas no Núcleo de Estudos Ambientais de Sorocaba (NEAS-UNISO), que apresentem a enzima ACC deaminase, e as bactérias isoladas serão caracterizadas pela produção de auxinas, onde aquelas com potencial biotecnológico serão identificadas, por meio do sequenciamento do gene 16S rDNA. Este isolamento auxiliará em futuros estudos de utilização desta interação na produção agrícola de pastagens, podendo contribuir para o aumento do crescimento dessa cultura de grande importância agronômica.

Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.