Busca avançada
Ano de início
Entree

Avaliação da memória de curto prazo de crianças de 7 a 10 anos: precisão e evidências de validade

Processo: 18/06949-6
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de dezembro de 2018
Vigência (Término): 31 de julho de 2019
Área do conhecimento:Ciências Humanas - Psicologia - Fundamentos e Medidas da Psicologia
Pesquisador responsável:Elizeu Coutinho de Macedo
Beneficiário:Marcella Scaglione Pinto
Instituição-sede: Centro de Ciências Biológicas e da Saúde (CCBS). Universidade Presbiteriana Mackenzie (UPM). Instituto Presbiteriano Mackenzie. São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Neuropsicologia   Memória de curto prazo   Avaliação psicológica   Precisão   Evidência   Crianças

Resumo

Memória de curto prazo (MCP) é definida como o armazenamento de informações por um curto período de tempo, com capacidade limitada de tamanho e duração. Um instrumento desenvolvido para avaliação desta habilidade é o Teste Infantil de Memória - TIME. Estudos prévios das propriedades psicométricas, especificamente dos itens do TIME, com crianças de 3 a 6 anos indicou que há itens difíceis para esta faixa etária e por isso o presente estudo irá investigar a precisão e evidências de validade do instrumento para crianças dos 7 aos 10 anos. Participarão 120 crianças do 2º ano ao 5º ano de escolas privadas e 120 crianças de escolas públicas (sendo a amostra de escola pública já coleta em estudo prévio). Serão utilizados o TIME para avaliação de MCP, o questionário de classificação econômica da ABEP (NSE) e o teste Matrizes Progressivas Coloridas de Raven para controle do nível intelectual. Será investigada a consistência interna e homogeneidade dos itens, bem como comparados os desempenhos entre as faixas etárias, os anos escolares e o tipo de escola (pública X privada), derivando evidências de validade do instrumento. Será investigada a relação entre o desempenho no TIME e o NSE. Espera-se que os resultados indiquem boa precisão do TIME e evidências de validade baseadas na relação com outras variáveis e critérios externos.