Busca avançada
Ano de início
Entree

Efeito da ingestão de suco de açaí sobre o perfil de expressão de microRNAs no plasma de pacientes diabéticos tipo 2

Processo: 17/15415-2
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Pós-Doutorado
Vigência (Início): 01 de janeiro de 2019
Vigência (Término): 31 de dezembro de 2020
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Medicina - Clínica Médica
Pesquisador responsável:Elisa Mieko Suemitsu Higa
Beneficiário:Giovana Rita Punaro
Instituição-sede: Escola Paulista de Medicina (EPM). Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP). Campus São Paulo. São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Diabetes mellitus tipo 2   Antioxidantes   Açaí   Óxido nítrico   Nefrologia   MicroRNAs   Função renal

Resumo

Diabetes mellitus (DM) é uma doença crônica e inflamatória, caracterizada pela hiperglicemia, a qual prejudica a função de vários órgãos entre eles o rim, resultando na nefropatia diabética. Os microRNAs (miRNAs) são pequenos RNAs não codificantes, importantes na regulação e expressão gênica de proteínas, podendo ser modificados por citocinas inflamatórias e assim contribuir para a patogênese do DM. O açaí é uma fruta, originária da Amazônia, rica em lipídios, proteínas, fibras, vitaminas, minerais e com alto conteúdo de antioxidantes. Estudo recente realizado por nosso grupo mostrou que o açaí reduziu marcadores de estresse oxidativo/nitrosativo e inflamatórios, em células mesangiais cultivadas em meio com elevada glicose (modelo experimental de DM bem descrito na literatura), sugerindo modulação inflamatória via sistema antioxidante, neste modelo de diabetes. O objetivo é verificar o efeito do suco de açaí sobre a expressão de miRNAs no plasma de pacientes diabéticos tipo 2. Os pacientes com DM tipo 2 serão recrutados nos ambulatórios de Endocrinologia da UNIFESP, sendo coletadas informações sobre dieta, dados de composição corporal, amostras de sangue para as análises de glicemia, insulina, óxido nítrico, perfil lipídico, ureia, creatinina e expressão de miRNAs no plasma (-17, -21, -26a, -29a, -30b, -126, -146a, -155, -199a e -1934) e amostras de urina para análise de microalbuminúria, pré e pós intervenção com suco de açaí, suplementado diariamente por 4 semanas consecutivas. Para significância estatística será considerado p<0,05.