Busca avançada
Ano de início
Entree

Sistemas líquido-cristalinos como estratégia para administração vaginal de ácido p-cumárico no tratamento da candidíase vulvovaginal: avaliação in vitro e in vivo

Processo: 18/22658-1
Linha de fomento:Bolsas no Exterior - Estágio de Pesquisa - Mestrado
Vigência (Início): 21 de fevereiro de 2019
Vigência (Término): 18 de agosto de 2019
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Farmácia - Farmacotecnia
Pesquisador responsável:Marlus Chorilli
Beneficiário:Paula Scanavez Ferreira
Supervisor no Exterior: Van Dijck Patrick
Instituição-sede: Faculdade de Ciências Farmacêuticas (FCFAR). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Araraquara. Araraquara , SP, Brasil
Local de pesquisa : Katholieke Universiteit Leuven, Bélgica  
Vinculado à bolsa:17/22928-6 - Sistemas líquido-cristalinos como potencial estratégia para administração vaginal de ácido p-cumárico no tratamento de candidíase vulvovaginal, BP.MS
Assunto(s):Tecnologia farmacêutica   Candida albicans

Resumo

A candidíase vulvovaginal (CVV) é considerada uma das formas mais comuns de infecções fúngicas oportunistas e a Candida albicans é o microrganismo com maior frequência nos casos de CVV, sendo responsável por 80 a 90% das ocorrências. Atualmente, cinco classes de agentes antifúngicos são usadas para tratar infecções causadas por Candida spp. no entanto, todas elas podem apresentar efeitos colaterais graves, como por exemplo, nefrotoxicidade. Além disso, muitas espécies desse fungo patogênico também estão adquirindo resistência aos tratamentos. Devido a estes fatores, uma grande atenção tem sido dada às moléculas de fontes naturais com potencial atividade antifúngica e que apresentam citotoxicidade mínima ou nula, como é o caso do ácido p-cumárico (p-CA). O p-CA é um ácido fenólico que ocorre naturalmente nas plantas, tem baixa toxicidade e apresenta uma biodisponibilidade considerável. A fim de evitar efeitos colaterais sistêmicos, a administração de p-CA por via vaginal demonstra ser mais vantajosa. Para esta aplicação tópica, os cristais líquidos (CL) são um sistema de liberação de fármacos que apresentam propriedades interessantes , pois promovem a liberação controlada do fármaco e também melhoram sua solubilidade e biodisponibilidade. Os CLs também apresentam características mucoadesivas, o que permite maior tempo de contato entre a formulação e a mucosa. Portanto, este trabalho destina-se a demonstrar a atividade antifúngica de p-CA quando incorporado em sistemas líquido-cristalinos para o tratamento de candidíase vulvovaginal, o seu efeito fungicida in vitro e in vivo, e também a sua aplicabilidade como um possível agente antifúngico. Este trabalho pretende avaliar o potencial deste sistema como novo e inovador.

Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.