Busca avançada
Ano de início
Entree

O conceito de sistema (sýstema) na idade média e no Renascimento: uma perspectiva epistemológico-filosófica sobre a literatura musical em latim, de Martianus capella a Sethus Calvisius

Processo: 18/01418-2
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Pós-Doutorado
Vigência (Início): 01 de janeiro de 2019
Vigência (Término): 31 de dezembro de 2020
Área do conhecimento:Ciências Humanas - História - História das Ciências
Pesquisador responsável:Rubens Russomanno Ricciardi
Beneficiário:Paulo Eduardo de Barros Veiga
Instituição-sede: Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Ribeirão Preto (FFCLRP). Universidade de São Paulo (USP). Ribeirão Preto , SP, Brasil
Assunto(s):Epistemologia

Resumo

Este projeto de pesquisa propõe uma investigação sobre o conceito primordialmente musical de sistema (sýstema em grego, posteriormente, systema, em latim), de origem grega, com ênfase em textos da literatura musical em latim. Por meio de uma varredura semântica do termo, busca-se compreender os desdobramentos históricos de como um conceito passa de uma área a outra do conhecimento, tendo em vista a produção bibliográfica medieval e renascentista, em língua latina, sobre música, herdeiros das fontes gregas mais antigas, antecessoras imediatas das fontes italianas de teoria musical do século XVI, que influenciarão o pensamento de Kepler (1609) e de Galileu (1610), os quais transpuseram o conceito de sistema da música às ciências. Logo, com base nessa produção textual em latim, a pesquisa propõe estudar o conceito de sistema a partir do século IV, com Martianus Capella, ao final do século XVI, com Sethus Calvisius. Inicialmente, propõe-se um levantamento de dados, com base no repositório de textos latinos intitulado Thesaurus musicarum latinarum, sitiado em ambiente virtual pela Indiana University Jacobs School of Music, em cotejo com as edições Les Belles Lettres e Teubner. Em seguida, são feitas leituras do córpus selecionado, mediante um olhar analítico sobre esses textos em latim, a fim de garantir um estudo epistêmico mais coerente sobre o conhecimento humano, com ênfase nos systematas.

Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.