Busca avançada
Ano de início
Entree

Efeito da reeducação postural global na reabilitação após acidente vascular cerebral

Processo: 18/18952-1
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Pós-Doutorado
Vigência (Início): 01 de janeiro de 2019
Vigência (Término): 31 de dezembro de 2020
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Fisioterapia e Terapia Ocupacional
Pesquisador responsável:Fernando Morgadinho Santos Coelho
Beneficiário:Cristina Mattos Pereira Frange
Instituição-sede: Escola Paulista de Medicina (EPM). Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP). Campus São Paulo. São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Acidente vascular cerebral   Neurologia   Reabilitação   Reeducação postural global (RPG)   Sono

Resumo

Após o acidente vascular cerebral (AVC), o paciente pode ser acometido por sequelas sensório-motoras, musculoesqueléticas, perceptuais e cognitivas. Há diversos prejuízos motores, como alterações de equilíbrio, da coordenação motora fina e grossa, da metria, perda das reações de proteção, da força muscular, do trofismo, do grau da amplitude de movimento, restringindo ações imprescindíveis como a manutenção da postura em ortostatismo e execução da marcha. Além disso, distúrbios de sono são evidentemente comuns nessa população. Neste sentido, exploraremos a hipótese de que o tratamento fisioterapêutico por meio da Reeducação Postural Global (RPG) possa melhorar a reabilitação motora (mobilidade funcional, habilidade nas atividades de vida diárias) em pacientes pós-AVC, além de beneficiar o sono. Para isso, os pacientes, de ambos os sexos, com 18 anos ou mais serão alocadas em 2 grupos: RPG e controle. Todos os pacientes receberão atendimento fisioterapêutico individual em ambiente clínico. A reabilitação motora e o sono serão avaliados de modo subjetivo (questionários) e objetivo (fotografias computadorizadas, manovacuometria e polissonografia), pré e pós-intervenção, e nos seguimentos de 1 e 3 meses. Compreender o efeito da RPG como recurso fisioterapêutico e seu impacto na reabilitação motora, no sono, e consequentemente no fenótipo do paciente pós-AVC pode ser uma estratégia eficaz e de baixo custo como medida terapêutica para essa crescente população.

Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.