Busca avançada
Ano de início
Entree

Aplicação de solventes eutéticos profundos em técnica de preparo de amostra para determinação de contaminantes em chás prontos para beber

Processo: 18/25746-9
Linha de fomento:Bolsas no Exterior - Estágio de Pesquisa - Doutorado
Vigência (Início): 01 de março de 2019
Vigência (Término): 05 de setembro de 2019
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Ciência e Tecnologia de Alimentos - Ciência de Alimentos
Pesquisador responsável:Helena Teixeira Godoy
Beneficiário:Lucas Caldeirão Rodrigues Miranda
Supervisor no Exterior: Sara Cristina da Silva Cunha
Instituição-sede: Faculdade de Engenharia de Alimentos (FEA). Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Campinas , SP, Brasil
Local de pesquisa : Universidade do Porto (UP), Portugal  
Vinculado à bolsa:17/05048-2 - Plantas tradicionalmente empregadas como infusão: técnicas de preparo de amostra e determinação de contaminantes, BP.DR
Assunto(s):Análise de alimentos   Química verde   Toxicologia de alimentos

Resumo

Há no Brasil uma crescente produção e consumo de chás prontos para beber, com predominância de chás a base de erva mate tostada (Ilex paraguariensis) e chá preto (Camellia sinensis). Sabe-se que as matérias-primas (ervas) para a industrialização desses alimentos podem conter hidrocarbonetos policíclicos aromáticos (PAHs), proveniente tanto de contaminação ambiental quanto do processamento, como podem conter ftalatos, aditivos utilizados em embalagens plásticas que podem migrar para o alimento, sobretudo quando há envase a quente. Diante dessas informações, esse projeto objetiva o desenvolvimento de uma técnica de extração, buscando um método "verde" de alta sensibilidade e seletividade para determinação de PAHs e ftalatos em chás prontos para o beber comercializados no Brasil. Para tal, será proposto um método de preparo de amostra utilizando solvente eutético profundo (DES), seguido de determinação dos compostos em cromatografia a gás acoplada com detector de massas em tandem (GC-MS/MS). Com os resultados, espera-se identificar a presença e concentração desses contaminantes e realizar um estudo de exposição de risco da população brasileira quanto a esses alimentos.