Busca avançada
Ano de início
Entree

Efeito do sistema colinérgico anti-inflamatório e dos receptores nicotínicos em modelo murino de lesão pulmonar aguda induzida por LPS

Processo: 18/15738-9
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Pós-Doutorado
Vigência (Início): 01 de novembro de 2018
Situação:Interrompido
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Fisiologia - Fisiologia de Órgãos e Sistemas
Pesquisador responsável:Carla Máximo Prado
Beneficiário:Nathalia Montouro Pinheiro Menegasso
Instituição-sede: Instituto de Saúde e Sociedade (ISS). Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP). Campus Baixada Santista. Santos , SP, Brasil
Bolsa(s) vinculada(s):19/15665-4 - Efeito do sistema colinérgico anti-inflamatório e dos receptores nicotínicos em modelo murino de lesão pulmonar aguda induzida por LPS, BE.EP.PD
Assunto(s):Lesão pulmonar aguda   Lipopolissacarídeos   Pneumonia

Resumo

A lesão pulmonar aguda (LPA) é caracterizada por início súbito, recrutamento de polimorfonucleares e liberação de mediadores pró- inflamatórios e pode induzir a aumento de citocinas. A redução do transportador vesicular de acetilcolina (VAChT) reduz a liberação de ACh, principal mediador do sistema colinérgico anti-inflamatório (SCAI), modulando a inflamação pulmonar. Objetivos: Avaliar o efeito modulador do sistema colinérgico e dos receptores nicotínicos na lesão pulmonar induzida por LPS, com ênfase em: 1. Avaliar se LPA induzida por lipopolissacarídeo (LPS) em dose baixa induz alterações no pulmão em animais com redução de VAChT. 2. Avaliar se LPA induzida por LPS modula a expressão dos receptores nicotínicos em animais VAChT e se o tratamento com PNU (agonista do receptor nicotínico alfa-7) reverte as alterações previamente encontradas no objetivo 1; 3 e 4. Objetivos condicionais à aprovação da Bolsa Estágio de Pesquisa no Exterior (BEPE), que será solicitada posteriormente, caso este pedido seja aprovado: 3. Avaliar se a função e expressão de receptores nicotínicos está alterada em animais VAChT selvagem e mutante submetidos ou não à instilação de LPS; 4. Avaliar se outros compostos alostéricos tem efeito na LPA induzida por LPS em camundongos selvagens e VAChT mutante e também em animais C57BL. Metodologia: Camundongos macho linhagem VAChT (redução de 70% de VAChT) serão submetidos a instilação de LPS intraqueal e 24 horas após avaliaremos as alterações morfofuncionais do pulmão (função pulmonar, células e citocinas inflamatórias) e componentes do SCAI no pulmão (avaliação dos receptores nicotínicos entre outros). Trataremos parte dos animais com PNU, um agonista do receptor nicotínico, para verificar se o estímulo deste receptor reverte as alterações observadas nos animais VAChT. Parte da metodologia necessária para os objetivos 3 e 4 serão realizadas no exterior e condicional a aprovação posterior. A análise estatística será realizada por meio do programa SigmaStat.