Busca avançada
Ano de início
Entree

Ética, emoções e política: os (des) caminhos da pesquisa antropológica em situações de violência, dor e sofrimento

Processo: 18/19357-0
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de janeiro de 2019
Vigência (Término): 31 de março de 2020
Área do conhecimento:Ciências Humanas - Antropologia
Pesquisador responsável:Cynthia Andersen Sarti
Beneficiário:Michelli de Souza Ribeiro
Instituição-sede: Escola de Filosofia, Letras e Ciências Humanas (EFLCH). Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP). Campus Guarulhos. Guarulhos , SP, Brasil
Assunto(s):Ética (filosofia)   Violência   Emoções   Sofrimento   Dor

Resumo

Este projeto de pesquisa pretende investigar as diferentes formas de engajamento e os diferentes interesses implicados no encontro etnográfico, considerando, sobretudo a dimensão ética e política da produção de conhecimento quando realizada em "territórios" sensíveis, ou seja, a partir da interlocução com sujeitos submetidos a experiências de luto, dor e sofrimento advindos de violência político estatal. Tendo por objeto da reflexão pesquisas antropológicas que, embora realizadas em diferentes contextos etnográficos, tenham por substrato tais experiências, esta investigação visa apreender como os deslocamentos entre o ético e o político, entre responsabilidade profissional e comprometimento moral surgem nessas pesquisas, assim como, apreender as diferentes "estratégias" utilizadas pelos(as) pesquisadores(as) para lidar com os "afetos" decorrentes desta interlocução. (AU)