Busca avançada
Ano de início
Entree

Estado Nacional e educação radiofônica na Colômbia: Bachillerato por rádio (1973-1982)

Processo: 18/20589-2
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de janeiro de 2019
Vigência (Término): 31 de outubro de 2020
Área do conhecimento:Ciências Humanas - História - História da América
Pesquisador responsável:Stella Maris Scatena Franco
Beneficiário:Juan Francisco Beltrán Becerra
Instituição-sede: Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas (FFLCH). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Educação   Educação a distância   Rádio (meio de comunicação)   Representação de grupos   Política (ciências sociais)   Colômbia

Resumo

Nesse trabalho pretende-se estudar as representações das camadas populares através do programa de educação à distância Bachillerato por Radio, programa que foi emitido na maioria dos departamentos andinos da República Colombiana, Cundinamarca, Antioquia, Huila, Santander e outros, entre os anos de 1973 e 1982. O objetivo vai ser analisar o programa ao redor das representações das populações a serem educadas, neste caso chamadas de camadas populares, no contexto das políticas originadas durante três governos dos anos 1970, especificamente as presidências de Misael Pastrana, 1970 - 1974; Alfonso López Michelsen, 1974 - 1978; e Julio Cesar Turbay, 1978 - 1982, um período de grande expansão urbana e modernização industrial no país. Para poder avaliar o objetivo, serão analisados os materiais didáticos, radiofônicos e escritos criados para o projeto educativo, procurando entender, nos próprios textos, as intencionalidades inseridas no programa educativo por parte dos criadores. Com esta pesquisa pretende-se contribuir nas linhas historiográficas sobre a História Cultural, baseando-nos fundamentalmente nas observações propostas sobre a história das representações, examinadas por Roger Chartier, e na linha de história da educação e das mídias na Colômbia, estudadas por Renán Silva. (AU)