Busca avançada
Ano de início
Entree

O potencial das fanpages dos movimentos sociais em prol da democratização da comunicação: um estudo sobre a comunicação online do Intervozes e fórum nacional pela democratização da comunicação

Processo: 18/17825-6
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de janeiro de 2019
Vigência (Término): 30 de setembro de 2020
Área do conhecimento:Ciências Sociais Aplicadas - Comunicação
Pesquisador responsável:Caroline Kraus Luvizotto
Beneficiário:Ana Carolina Trindade
Instituição-sede: Faculdade de Arquitetura, Artes e Comunicação (FAAC). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Bauru. Bauru , SP, Brasil
Bolsa(s) vinculada(s):19/12815-5 - Atuação dos movimentos sociais em Portugal e o uso dos meios de comunicação: possibilidades e desafios da regulação da comunicação, BE.EP.MS
Assunto(s):Movimentos sociais   Democratização da comunicação   Redes sociais   Comunicação digital   Comunicação de grupo

Resumo

As redes sociais digitais possibilitaram o dinamismo comunicacional, estabelecendo-se como um novo local de produção e recepção de informações e geração de conhecimento. Neste cenário, percebe-se que a comunicação online deu origem a novas perspectivas para a atuação dos movimentos sociais contemporâneos e para a articulação política e social dos cidadãos. O objetivo deste estudo é refletir sobre o percurso histórico da democratização da comunicação e estimar o potencial da comunicação online, em especial no Facebook, do Intervozes e do FNDC. Especificamente, espera-se: Compreender as discussões sobre os processos históricos da democratização da comunicação, especialmente no Brasil; Descrever e caracterizar as estratégias da comunicação nas fanpages do Intervozes e do FNDC, enquanto movimentos em prol da democratização da comunicação; Analisar o conteúdo produzido por esses movimentos nas postagens no Facebook e o quanto isso se relaciona com o tema da democratização da comunicação; e Verificar, à luz da atuação do Intervozes e do FNDC no Facebook, o papel da comunicação online a serviço da cidadania. Os objetivos serão alcançados por meio a pesquisa quali-quantitativa, com base na pesquisa exploratória, analítica e descritiva. Os dados referentes às fanpages dos movimentos sociais serão coletados durante o segundo trimestre de 2019 e, também, descritos e interpretados qualitativamente por meio da Análise de Conteúdo. Espera-se, então, que este estudo contribua para as reflexões que envolvam o tema dos movimentos sociais e da comunicação e demarque a importância dessa reflexão na questão social em torno dos movimentos em prol da democratização da comunicação. (AU)