Busca avançada
Ano de início
Entree

Dinâmica de tempo inicial de colisões hadrônicas além da aproximação gaussiana do condensado de vidro de cor

Processo: 18/23677-0
Linha de fomento:Bolsas no Exterior - Estágio de Pesquisa - Pós-Doutorado
Vigência (Início): 01 de maio de 2019
Vigência (Término): 30 de abril de 2020
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Física - Física das Partículas Elementares e Campos
Pesquisador responsável:Frédérique Marie Brigitte Sylvie Grassi
Beneficiário:André Veiga Giannini
Supervisor no Exterior: Yasushi Nara
Instituição-sede: Instituto de Física (IF). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Local de pesquisa : Akita International University (AIU), Japão  
Vinculado à bolsa:17/14974-8 - Fenomenologia das colisões de íons pesados relativísticos: QCD em condições extremas, BP.PD
Assunto(s):Grande Colisor de Hádrons

Resumo

Planejamos estudar a dinâmica de tempo inicial de colisões hdrônicas nas energias do LHC usando o formalismo do Condensado de Vidro de Cor (Color Glass Condensate, CGC) acoplado com as equações clássicas de Yang-Mills (classical Yang-Mills, CYM). A estrutura CGC+CYM é o ponto de partida de qualquer cálculo baseado em CGC, onde os observáveis são obtidos como uma média sobre um dado funcional representando a distribuição de cargas de cor dentro dos hadrons colidentes. Enquanto a maioria dos cálculos CGC assume o modelo McLerran-Venugopalan (MV) de distribuição gaussiana de carga de cor, pretendemos calcular observáveis utilizando uma função de peso não gaussiana, que inclui as já conhecidas correções de ordem mais altas ao modelo MV. Enquanto o modelo MV é bem justificado para colisões de íons pesados, espera-se que essas correções não gaussianas sejam importantes em sistemas de colisão menores, como próton-núcleo e próton-próton, e podem levar a um melhor entendimento dos mesmos. Pretendemos estudar os efeitos dessas contribuições não gaussianas de carga de cor nas flutuações da distribuição inicial da densidade de energia calculando numericamente a covariância do tensor energia-momento inicial em uma rede. A evolução temporal da densidade de energia inicial e suas flutuações também serão estudadas resolvendo-se as equações CYM exatamente. A inclusão de flutuações não gaussianas de carga de cor no formalismo do CGC juntamente com a dinâmica de tempo inicial das equações CYM podem melhorar potencialmente as condições iniciais para simulações hidrodinâmicas em sistemas pequenos.

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
GIANNINI, V, ANDRE; GRASSI, FREDERIQUE; LUZUM, MATTHEW. Bulk quantities in nuclear collisions from running-coupling k(T) factorization and hybrid simulations. Physical Review C, v. 100, n. 1 JUL 31 2019. Citações Web of Science: 0.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.
Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.