Busca avançada
Ano de início
Entree

As margens da informalidade: uma análise multi-escalar das transformações do mundo do trabalho pela perspectiva do comércio ambulante em Belo Horizonte

Processo: 18/21466-1
Linha de fomento:Bolsas no Exterior - Estágio de Pesquisa - Doutorado
Vigência (Início): 11 de março de 2019
Vigência (Término): 10 de março de 2020
Área do conhecimento:Ciências Humanas - Sociologia - Sociologia Urbana
Pesquisador responsável:Cibele Saliba Rizek
Beneficiário:Tarcísio Perdigão Araújo Filho
Supervisor no Exterior: Christian Andre Marie Azais
Instituição-sede: Centro de Educação e Ciências Humanas (CECH). Universidade Federal de São Carlos (UFSCAR). São Carlos , SP, Brasil
Local de pesquisa : Conservatoire National des Arts et Métiers (Cnam), França  
Vinculado à bolsa:17/02638-3 - Vida de "torero": dinâmicas de trabalho e trajetórias de ambulantes nas margens da informalidade, BP.DR
Assunto(s):Comércio ambulante   Sociologia do trabalho   Neoliberalismo

Resumo

Resumo: Este projeto de Estágio de Pesquisa no Exterior tem o objetivo de aprimorar a pesquisa de doutorado iniciada em 2017. A pesquisa em tem o objetivo de compreender como, e sob quais racionalidades, um grupo específico de vendedores ambulantes em Belo Horizonte - os toreros - se engajam e se sustentam cotidianamente em suas atividades de trabalho, em meio aos conflitos típicos dos espaços públicos. Tendo em vista uma análise multi-escalar, o objetivo do estágio é estabelecer um dialogo com a literatura francesa sobre os significados do comércio ambulante -como os modos de regulação - no contexto neoliberal, a fim de compreender as racionalidades e os modos de engajamento dos toreros em suas atividades nos diversos campos da vida.