Busca avançada
Ano de início
Entree

Detecção e caracterização molecular de agentes Anaplasmataceae em Xenarthra no Brasil

Processo: 18/13838-6
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de dezembro de 2018
Vigência (Término): 31 de julho de 2020
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Medicina Veterinária - Medicina Veterinária Preventiva
Convênio/Acordo: Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES)
Pesquisador responsável:Marcos Rogério André
Beneficiário:Ana Cláudia Calchi
Instituição-sede: Faculdade de Ciências Agrárias e Veterinárias (FCAV). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Jaboticabal. Jaboticabal , SP, Brasil
Assunto(s):Diversidade genética

Resumo

A família Anaplasmataceae engloba bactérias Gram-negativas intracelulares obrigatórias, parasitas de células sanguíneas e que na sua maioria são transmitidas por carrapatos. Embora animais da Ordem Xenarthra sejam considerados reservatórios de uma ampla gama de agentes zoonóticos, poucos são os trabalhos que investigaram o possível papel desses animais como hospedeiros dos patógenos em questão. O presente estudo tem por objetivo verificar, por meio de técnicas moleculares, a ocorrência e diversidade genética de agentes Anaplasmataceae em Xenarthra no Brasil. Para tal, serão analisadas 355 amostras de sangue/tecido de preguiças, tamanduás e tatus de vida livre oriundas dos estados de Mato Grosso do Sul, Pará, Rondônia e São Paulo. As amostras biológicas serão submetidas a ensaios de PCR em tempo real e convencional baseados nos genes 16S rRNA, groESL, dsb, gltA, omp-1, mpa-1, sodB, msp-2 e vlpt. O posicionamento filogenético das sequências obtidas será realizado por meio da construção de dendogramas. Por fim, o alinhamento das sequências será utilizado para calcular a diversidade de nucleotídeos e o nível de polimorfismos para a análise da diversidade genética dos agentes Anaplasmataceae. A genealogia das sequências de nucleotídeos será realizada utilizando o programa Splitstree. O presente estudo contribuirá para a estudo da diversidade de agentes transmitidos por carrapatos entre a fauna selvagem brasileira.

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
CALCHI, ANA CLAUDIA; VULTAO, JULIANA GABOARDI; ALVES, MARIO HENRIQUE; YOGUI, DEBORA REGINA; DESBIEZ, ARNAUD LEONARD JEAN; AMARAL, RENAN BRESSIANINI; SANTI, MARIELE; TEIXEIRA, MARTA MARIA GERALDES; WERTHER, KARIN; MACHADO, ROSANGELA ZACARIAS; ANDRE, MARCOS ROGERIO. Multi-locus sequencing reveals a novel Bartonella in mammals from the Superorder Xenarthra. TRANSBOUNDARY AND EMERGING DISEASES, MAR 2020. Citações Web of Science: 0.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.