Busca avançada
Ano de início
Entree

Efeito do ácido oleoil-12-hidroxiesteárico (12-OAHSA) nas vias inflamatórias e metabólicas da ativação de macrófagos

Processo: 18/22505-0
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de março de 2019
Vigência (Término): 28 de fevereiro de 2021
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Imunologia - Imunologia Celular
Pesquisador responsável:Pedro Manoel Mendes de Moraes Vieira
Beneficiário:Ana Campos Codo
Instituição-sede: Instituto de Biologia (IB). Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Campinas , SP, Brasil
Assunto(s):Imunometabolismo   Macrófagos   Citocinas   Antígenos

Resumo

A dinâmica das células imunes em responder a antígenos estranhos e tolerar antígenos próprios requer constante adaptação metabólica para sobrevivência, proliferação e retorno à homeostase. Ácidos graxos regulam diferentes vias metabólicas, incluindo sinalização de insulina, fluxo de cálcio e inflamação. Exposição de macrófagos a ácidos graxos saturados ou LPS ativa vias inflamatórias que levam a secreção de citocinas como TNF-± e IL-6. Por outro lado, ácidos graxos insaturados ou de cadeia curta reduzem a inflamação. Recentemente, foi descoberta uma nova classe de lipídios que não havia sido descrita antes em tecidos de mamíferos. Estudos estruturais revelaram que são ácidos graxos hidroxil de ácidos graxos (FAHFA). Quando o grupo acil graxo é oleato e a ligação éster na posição 12, isto produz o ácido oleoil-12-hidroxiesteárico (12-OAHSA). Membros dessa classe de lipídeos estão presentes em vários tecidos e no soro de humanos e camundongos. Alguns ácidos graxos atuam como moléculas sinalizadoras que regulam diferentes funções fisiológicas, como a secreção de insulina, inflamação e produção hepática de glicose. Uma vez que resultados preliminares do grupo indicam que 12-OAHSA reduz a produção de TNF-± em células da micróglia ativadas com LPS, pode-se afirmar que esse FAHFA atua como sinalizador anti-inflamatório em macrófagos. Dessa forma, a hipótese desse estudo é que o tratamento de macrófagos com 12-OAHSA diminuiria a produção de citocinas pró-inflamatórias e/ou aumentaria a produção de citocinas anti-inflamatórias devido a mudanças metabólicas nos macrófagos. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
FACHI, J. L.; PRAL, L. P.; DOS SANTOS, J. A. C.; CODO, A. C.; DE OLIVEIRA, S.; FELIPE, J. S.; ZAMBOM, F. F. F.; CAMARA, N. O. S.; VIEIRA, P. M. M. M.; COLONNA, M.; VINOLO, M. A. R. Hypoxia enhances ILC3 responses through HIF-1 alpha-dependent mechanism. MUCOSAL IMMUNOLOGY, v. 14, n. 4 JAN 2021. Citações Web of Science: 1.
DA SILVA, FELIPE CORREA; AGUIAR, CRISTHIANE; PEREIRA, JESSICA A. S.; MONTEIRO, LAUAR DE BRITO; DAVANZO, GUSTAVO GASTAO; CODO, ANA CAMPOS; DE FREITAS, LEONARDO PIMENTEL; BERTI, ALINE SIQUEIRA; FERRUCCI, DANILO LOPES; CASTELUCCI, BIANCA GAZIERI; CONSONNI, SILVIO ROBERTO; CARVALHO, HERNANDES F.; MORAES-VIEIRA, PEDRO M. M. Ghrelin effects on mitochondrial fitness modulates macrophage function. Free Radical Biology and Medicine, v. 145, p. 61-66, DEC 2019. Citações Web of Science: 0.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.