Busca avançada
Ano de início
Entree

Microesferas híbridas quitosana/polivinilalcool caulim e saponita como adsorventes de metais potencialmente tóxicos

Processo: 18/19276-0
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de fevereiro de 2019
Vigência (Término): 31 de dezembro de 2019
Área do conhecimento:Engenharias - Engenharia Química - Tecnologia Química
Pesquisador responsável:Emerson Henrique de Faria
Beneficiário:Suelen Delfino de Souza
Instituição-sede: Pró-Reitoria Adjunta de Pesquisa e Pós-Graduação. Universidade de Franca (UNIFRAN). Franca , SP, Brasil
Assunto(s):Níquel   Materiais porosos   Caulim   Adsorção   Química de materiais

Resumo

Processos adsortivos são comumente empregados para a retenção de metais, corantes, fármacos e outros resíduos minerais presentes em grandes concentrações em solos e meios aquosos. Sistemas adsortivos baseados em argilominerais apresentam uma eficiente remoção para estas espécies citadas. Porém, estudos envolvendo modificações de argilominerais que levam a obtenção de materiais híbridos apresentam capacidade de adsorção superior às dos argilominerais in natura e são de grande interesse tecnológico e científico. Atualmente, a procura por novos materiais que demostram elevada seletividade para a retenção de metais (Ni2+, Cd2+, Mn2+, Cu2+e Pb2+) com baixos impactos e praticidade em sua aplicação são um grande desafio para a indústria, devido ao crescimento populacional e expansão industrial tornando-se necessárias alternativas para a descontaminação e preservação dos ambientes aquáticos e terrestres. Com este intuito, o presente trabalho tem como objetivo principal a obtenção de microesferas híbridas que serão aplicados na adsorção de íons metálicos. Os materiais serão obtidos a partir do encapsulamento da caulinita in natura e saponita com quitosana e polivinil álcool, para posterior estudo via coluna de adsorção de íons níquel em fase aquosa e em batelada. Os materiais serão caracterizados do ponto de vista estrutural e morfológico pelas técnicas de difração de raios X, espectroscopia de absorção na região do infravermelho, espectroscopia de absorção na região do ultravioleta visível, análises térmicas, análises de área superficial específica, capacidade de troca catiônica e microscopia eletrônica de varredura.