Busca avançada
Ano de início
Entree

Holding time e tempo de equilíbrio: seus efeitos na criopreservação do espermatozóide suíno

Processo: 19/01124-1
Linha de fomento:Bolsas no Exterior - Estágio de Pesquisa - Mestrado
Vigência (Início): 18 de março de 2019
Vigência (Término): 17 de julho de 2019
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Medicina Veterinária - Reprodução Animal
Pesquisador responsável:André Furugen Cesar de Andrade
Beneficiário:Marina da Silva Passarelli
Supervisor no Exterior: Marc Yeste Oliveras
Instituição-sede: Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia (FMVZ). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Local de pesquisa : Universitat de Girona, Espanha  
Vinculado à bolsa:17/10821-2 - Avaliação dos efeitos do tempo de equilíbrio nos protocolos de criopreservação de sêmen suíno: um estudo fisiológico e morfofuncional., BP.MS
Assunto(s):Sêmen   Membranas   Criopreservação

Resumo

O uso de sêmen criopreservado na produção suína moderna representa apenas 1% de todas as inseminações artificiais realizadas em todo o mundo, portanto, sua aplicabilidade ainda é muito restrita, demandando mais estudos visando a melhoria dessa biotecnologia, o que levaria à sua plena implementação no nível comercial . Desta forma, várias técnicas vêm sendo desenvolvidas e aplicadas nas últimas décadas com o objetivo de melhorar a congelabilidade do sêmen, como a alteração dos protocolos de criopreservação, o uso de frações específicas do ejaculado, holding time e aplicação do tempo de equilíbrio. Assim, o objetivo do presente projeto é avaliar a aplicação do tempo de equilíbrio em protocolos de criopreservação de sêmen de suínos e aprofundar o entendimento desta ação em relação à fisiologia e morfofuncional dos espermatozoides suínos. Para este propósito, cinco cachaços de linhagem híbrida comercial serão usados. Vinte ejaculados serão coletados pela técnica de mão enluvada. Após a coleta, as amostras de sêmen serão analisadas quanto às características de motilidade pelo sistema de análise computadorizada do sêmen. As amostras de sêmen serão submetidas a um holding timede 24 horas. Após o mesmo, as amostras serão destinadas ao procedimento de criopreservação, permanecendo sob tempo de equilíbrio (5°C) por períodos de 0, 2 e 4 horas. Após a criopreservação, 4 palhetas serão descongeladas a 37°C por 30 segundos para análises de fisiologia espermática e morfofuncionalidade, como cinemática (CASA), determinação de radicais livres de cisteína na cabeça do espermatozoide, imunoprecipitação para HSP70 e avaliações de Western-blot . Para a análise estatística, será utilizado o software SAS (v. 9.3) e os dados serão analisados quanto à variância e normalidade dos resíduos. Os dados que não atenderem às premissas serão processados e submetidos ao PROC MIXED. As médias serão analisadas pelo teste de Tukey e o tempo ideal de equilíbrio será obtido por meio de uma equação de regressão polinomial.

Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.