Busca avançada
Ano de início
Entree

Compostagem de resíduos urbanos visando a reciclagem de nutrientes e a minimização dos impactos ambientais

Processo: 18/26033-6
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Pós-Doutorado
Vigência (Início): 01 de março de 2019
Vigência (Término): 28 de fevereiro de 2021
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Agronomia - Ciência do Solo
Pesquisador responsável:Marcio Koiti Chiba
Beneficiário:Altina Lacerda Nascimento
Instituição-sede: Instituto Agronômico (IAC). Agência Paulista de Tecnologia dos Agronegócios (APTA). Secretaria de Agricultura e Abastecimento (São Paulo - Estado). Campinas, SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:17/50338-9 - Do básico ao aplicado: modernização da infraestrutura institucional para o fomento à pesquisa e à inovação do agronegócio (PDIp), AP.PDIP
Assunto(s):Compostagem

Resumo

O objetivo principal de projeto é estruturar um programa de pesquisa visando a reutilização de resíduos sólidos urbanos de uma cidade de grande porte na produção de composto orgânico de qualidade passível de utilização em culturas agrícolas e áreas verdes. O projeto Reciclar Verde é uma iniciativa inédita que conjuga ação de entes públicos e privados resultado do processo FAPESP 16/50198-0 (Pesquisa em Políticas Públicas) que identificou essa temática como relevante. Tem como objetivo principal instalar uma estação de compostagem de resíduos sólidos urbanos para a produção de fertilizante organomineral de qualidade. A pesquisa permitirá estudar diferentes sistemas de tratamento de resíduos, buscar soluções para otimização do processo; testar novas misturas de nutrientes e avaliar a qualidade químico-física e microbiológica desses produtos para uso agrícola e em áreas verdes urbanas.A técnica da compostagem já é largamente empregada no tratamento de resíduos orgânicos e dessa forma o conhecimento existente se juntará na pesquisa por novas soluções de tratamento que poderão otimizar o processo. O IAC é referência nacional em estudos de reutilização de resíduos (lodo de esgoto, vinhaça, etc) e a participação do bolsista incrementará as ações tanto de pesquisa básica (processo de compostagem em si), aplicada (novos tipos de misturas de fertilizantes orgânicos enriquecido ou não com formulados minerais) quanto na formação de recursos humanos (orientação de estudantes de graduação e pós-graduação).