Busca avançada
Ano de início
Entree

Obtenção e caracterização fenotipica de plantas de tomateiro (Solanum lycopersicum) silenciadas para o Phytochorome interacting factor 3 (SlPIF3)

Processo: 18/22109-8
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de fevereiro de 2019
Vigência (Término): 31 de janeiro de 2020
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Botânica - Fisiologia Vegetal
Pesquisador responsável:Maria Magdalena Rossi
Beneficiário:Diego de Bellis Leão
Instituição-sede: Instituto de Biociências (IB). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:16/01128-9 - Controle luminoso e hormonal da qualidade nutricional em Solanum lycopersicum, AP.TEM
Assunto(s):Cultivos agrícolas   Processos fisiológicos   Genômica funcional   Fenótipo   Solanum lycopersicum   Tomateiro

Resumo

Além de prover energia para as reações da fotossíntese, a luz tem um papel fundamental no desenvolvimento das plantas controlando diversos aspectos como o relógio biológico, processos metabólicos, a morfogênese etc. A percepção do sinal luminoso por fotorreceptores desencadeia uma complexa rede de sinalização na qual participam as proteínas de interação a fitocromos (PHYTOCHROME INTERACTING FACTORS, PIFs). Essas proteínas são fatores de transcrição que se acumulam no escuro, regulando negativamente a resposta à luz. Assim como a luz, as PIFs participam do controle de processos fisiológicos ao longo da vida da planta e têm um importante papel na regulação da biogênese e manutenção da atividade plastidial, desde o desestiolamento até a senescência foliar. A atividade plastidial está fortemente relacionada à produtividade e qualidade nutricional dos frutos, não apenas pelo seu papel na fotossíntese, mas também por serem as organelas onde são produzidos importantes compostos nutracêuticos. Assim, este projeto tem como objetivo explorar os efeitos da manipulação de genes PIFs no metabolismo de frutos carnosos. Em particular, se propõe a caracterização fenotípica de plantas da espécie modelo Solanum lyopersicum silenciadas para o gene SlPIF3. Será avaliada a produtividade das plantas, qualidade dos frutos e quantificados compostos de duas famílias de compostos nutracêuticos para os quais os frutos de tomate são fonte importante: carotenóides (pró-vitamina A) e tocoferóis (vitamina E). Os resultados obtidos aumentarão o conhecimento sobre a função das PIFs e o impacto da sua manipulação sobre caracteres de importância agronômica no cultivo de tomateiro, aportando subsídios para a engenharia metabólica de frutos comestíveis.