Busca avançada
Ano de início
Entree

Bolsa de Treinamento Técnico TT-3, Laboratório de Genética mitocondrial dedicação: 20 h semanais, 24 meses

Processo: 19/00480-9
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Programa Capacitação - Treinamento Técnico
Vigência (Início): 01 de fevereiro de 2019
Vigência (Término): 31 de janeiro de 2021
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Bioquímica
Pesquisador responsável:Nadja Cristhina de Souza Pinto
Beneficiário:José Nivaldo Ferreira de Ataíde Miranda
Instituição-sede: Instituto de Química (IQ). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:17/04372-0 - DNA mitocondrial: mecanismos de manutenção de sua estabilidade e impacto em doenças, AP.TEM
Assunto(s):Reparo do DNA   Cultura de células   DNA mitocondrial   Fluxo laminar

Resumo

Bolsa de Treinamento Técnico TT-3, Laboratório de Genética MitocondrialDedicação: 20 h semanais, 24 mesesRESUMOAs mitocôndrias são responsáveis em grande parte pela manutenção da homeostasecelular. Entre os processos biológicos regulados por essa organela, estão a manutençãoe regulação do metabolismo energético, sinalização redox, regulação da homeostase decálcio e da sobrevivência celular, entre outros. Uma boa parte desses processos envolvedireta ou indiretamente o funcionamento adequado da cadeia de transporte de elétrons(CTE). Dos cinco complexos da CTE, quatro possuem subunidades codificadas peloDNA mitocondrial (mtDNA): CI, III, IV e V ou ATP sintase. Por ser um repositório deinformação genética altamente compacto - 16.569 bp, sendo que somente ~600 bp não-codificante - o mtDNA necessita de vias de reparo de DNA eficiente. Nosso laboratóriovem estudando as vias de reparo em mitocôndrias de mamíferos já há tempos, tendocaracterizado várias das vias moleculares presentes nessa organela, em particular as viasde reparo de excisão de bases e de reparo de pareamento errôneos. Como modeloexperimental, utilizamos células de mamíferos em cultura. Dentre os enfoquesexperimentais, utilizamos extratos mitocondriais livres de contaminação nuclear, paravárias etapas de caracterização bioquímica das atividades de interesse. Essasmetodologias requerem um volume grande de cultura de células e técnicas defracionamento e manipulação celular de precisão. Assim, faz-se necessário umresponsável técnico altamente capacitado para auxiliar na manutenção, expansão epreparo das frações mitocondriais, além da caracterização das frações, para garantir ahomogeneidade do material biológico sendo utilizado.