Busca avançada
Ano de início
Entree

Caracterização de amostras extrudadas da liga vítrea (La0.5Ce0.5)60Al15Co25

Processo: 19/02322-1
Linha de fomento:Bolsas no Exterior - Estágio de Pesquisa - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de abril de 2019
Vigência (Término): 31 de julho de 2019
Área do conhecimento:Engenharias - Engenharia de Materiais e Metalúrgica - Metalurgia Física
Pesquisador responsável:Piter Gargarella
Beneficiário:Maria Clara Farah Antunes Vilas Bôas
Supervisor no Exterior: Jurgen Hartmut Eckert
Instituição-sede: Centro de Ciências Exatas e de Tecnologia (CCET). Universidade Federal de São Carlos (UFSCAR). São Carlos , SP, Brasil
Local de pesquisa : Montanuniversität Leoben, Áustria  
Vinculado à bolsa:17/16588-8 - Processamento e caracterização da liga (La0,5Ce0,5)60Al15Co25 extrudada a quente, BP.IC
Assunto(s):Caracterização estrutural

Resumo

Metais vítreos apresentam propriedades mecânicas e resistência a corrosão superiores aos metais cristalinos tradicionais e vem sendo utilizados em diversas aplicações estruturais como sensores, peças de pequenas dimensões em relógios e motores em miniaturas, núcleos de transformadores e revestimentos, entre outras. A extrusão é um processo bastante promissor para a fabricação de ligas vítreas com perfis diversos como o de microengrenagens e pequenos tubos e também para a consolidação de pós e fitas. Ao longo dos anos, equipamentos bastante caros e com limitações no controle da temperatura tem sido utilizados na extrusão de metais vítreos, o que dificulta a extrusão de peças com tamanhos micrométricos. O objetivo do projeto de iniciação científica é avaliar o uso de equipamento de manufatura aditiva de polímeros FDM (Fused Deposition Modeling) para a extrusão da liga vítrea (La0,5Ce0,5)60Al15Co25. Trata-se de equipamento bastante simples e de baixo custo, que poderia abrir diversas possibilidades para a extrusão de ligas vítreas sem a necessidade da aquisição de equipamentos caros e mais complexos. Durante o projeto de iniciação científica amostras foram extrudadas utilizando diferentes parâmetros de processo (temperatura e tempo de processamento, razão de extrusão e formato da matriz). As amostras serão caracterizadas pelas técnicas de Difração de raios X (DRX), Calorimetria Diferencial de Varredura (DSC) e Microscopia eletrônica de varredura e transmissão (MEV e MET). Devido ao pequeno tamanho, não foi possível obter resultados adequados pela técnica de DRX utilizando equipamentos disponíveis no DEMa-UFSCar. Também não foi possível preparar amostras para MET de diferentes regiões de amostras extrudadas com a qualidade necessária. Dessa forma, o presente projeto BEPE tem como objetivo realizar a caracterização dessas amostras por DRX e preparar amostras para MET utilizando a técnica de Focused Ion Beam (FIB) no Erich Schmid lnstitute of Materials Science em Leoben/Aústria sobre orientação do Prof. Dr. Jürgen Eckert, um dos maiores especialistas na área de materiais metálicos vítreos do mundo. O estágio será muito importante para melhorar a qualidade dos resultados obtidos durante a iniciação científica e para aperfeiçoar o treinamento da aluna nas diferentes técnicas de caracterização de materiais.