Busca avançada
Ano de início
Entree

Desempenho agronômico de cultivares de feijão comum sob níveis de irrigação, avaliado por índices espectrais e modelagem

Processo: 18/17363-2
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado
Vigência (Início): 01 de março de 2019
Vigência (Término): 28 de fevereiro de 2022
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Engenharia Agrícola - Engenharia de Água e Solo
Pesquisador responsável:Rogerio Teixeira de Faria
Beneficiário:Anderson Prates Coelho
Instituição-sede: Faculdade de Ciências Agrárias e Veterinárias (FCAV). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Jaboticabal. Jaboticabal , SP, Brasil
Assunto(s):Modelagem   Escassez de água   Redes neurais (computação)

Resumo

A utilização da água de forma racional e criteriosa para a irrigação é uma das principais preocupações agronômicas devido à escassez desse recurso. Estudos específicos do efeito de lâminas de irrigação sobre as culturas agrícolas são necessários para recomendar corretamente os manejos culturais nesse sistema de produção para otimização do recurso hídrico. Para isso, a utilização de índices espectrais e modelos de simulação são técnicas promissoras para a determinação de melhores práticas de manejo agrícola para os cultivos. O objetivo com esse projeto é avaliar, explicar e modelar o efeito de lâminas de irrigação sobre a produtividade de grãos, exportação de nutrientes e índices de vegetação e de clorofila em genótipos de feijão de crescimento determinado e indeterminado cultivados na safra de inverno. Objetiva-se também definir o melhor nível de irrigação e época de semeadura do feijão para a safra de inverno nas condições de Jaboticabal/SP, utilizando o modelo CSM-CROPGRO- Dry Bean. O experimento será realizado na FCAV/Unesp, Jaboticabal, SP, nas safras de inverno de 2019 e 2020. Os tratamentos se constituirão de cinco níveis de irrigação (2 em excesso e 3 com déficit) e duas cultivares de feijão, uma de ciclo precoce e outra de ciclo médio, em delineamento de blocos em faixas, com 4 repetições. Serão analisados a exportação de macronutrientes pela planta, índice de área foliar durante o ciclo, componentes de produção, produtividade, produtividade da água, índices de vegetação (NDVI e IRVI), índice de clorofila (ICF), teor de N e clorofila total nas folhas, além do monitoramento da umidade do solo. Os resultados serão ajustados a modelos de resposta em função dos índices de vegetação e de clorofila, utilizando regressões e redes neurais artificiais, além de serem submetidos à análise de variância e teste de Tukey para a comparação de médias. Os dados experimentais possibilitarão também a calibração do modelo CSM-CROPGRO- Dry Bean para simulação de longo período da produção das cultivares de feijão e dos balanços de água e nitrogênio da cultura, sob as condições de Jaboticabal.