Busca avançada
Ano de início
Entree

Estudo das vias enriquecidas em células imunes durante o início da gestação e novos marcadores de gestação no sangue de fêmeas bovinas

Processo: 19/02995-6
Linha de fomento:Bolsas no Exterior - Estágio de Pesquisa - Mestrado
Vigência (Início): 20 de março de 2019
Vigência (Término): 11 de agosto de 2019
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Medicina Veterinária - Reprodução Animal
Pesquisador responsável:Guilherme Pugliesi
Beneficiário:Cecilia Constantino Rocha
Supervisor no Exterior: Niamh Mary Forde
Instituição-sede: Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia (FMVZ). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Local de pesquisa : University of Leeds, Inglaterra  
Vinculado à bolsa:17/13994-5 - Estudo do perfil transcriptômico em células imunes do sangue periférico no início da gestação em novilhas de corte, BP.MS
Assunto(s):Análise de sequência de RNA   Embrião   Interferon tau

Resumo

A identificação do estado gestacional anterior aos métodos atuais realizados em torno do trigésimo dia após a inseminação permite reduzir o intervalo de inseminações, o que pode resultar em menor tempo de concepção e maior lucratividade ao sistema de produção animal. A tese central do projeto é que os biomarcadores no sangue estimulados pelo conceito são detectáveis no início da gravidez. Isso pode permitir o desenvolvimento de um método precoce e inovador de diagnóstico da gestação em bovinos. Assim, o objetivo principal é descobrir novos marcadores da gravidez e estudar as vias envolvidas com esses novos marcadores em células imunes, para servir de base para o desenvolvimento de métodos moleculares de diagnóstico precoce da gestação em bovinos. Para isso, no Estudo 1, os genes encontrados na análise do transcriptoma pelo seqRNA (experimento de mestrado [experimento 1]), serão submetidos a análises de enriquecimento, para avaliação das vias, processos biológicos e funções moleculares enriquecidas nas células imunes mononucleares. do sangue (PBMCs) em animais prenhes e não prenhes. No Estudo 2, alguns dos genes encontrados no seqRNA, validados por meio da qPCR, que forem marcadores de gravidez nas PBMCs (experimento 1), serão avaliados no sangue total de vacas Holandesas. Os novos conhecimentos e métodos inovadores aqui propostos servirão de base para o desenvolvimento de tecnologias para vacas leiteiras.