Busca avançada
Ano de início
Entree

Um estudo fonológico sobre os processos de ditongação e monotongação no Português do Brasil

Processo: 18/16596-3
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de março de 2019
Vigência (Término): 31 de dezembro de 2019
Área do conhecimento:Linguística, Letras e Artes - Linguística - Teoria e Análise Lingüística
Pesquisador responsável:Maria Filomena Spatti Sandalo
Beneficiário:Lucas Pereira Eberle
Instituição-sede: Instituto de Estudos da Linguagem (IEL). Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Campinas , SP, Brasil
Assunto(s):Fonologia   Fonética   Léxico   Português do Brasil

Resumo

Este projeto de pesquisa se insere no campo de estudos de fonologia do português brasileiro (PB) com enfoque no estudo, análise e compreensão dos processos fonológicos de ditongação e monotongação, especificamente a formação de ditongo a partir da epêntese (adição) da semivogal [j] em sílabas terminadas em "s" ou "z" (ex: vez, ['ves] - ['vejs]), e monotongação, a redução de ditongos para uma vogal simples através da perda da semivogal, neste projeto exclusivamente, dos ditongos [aj], [ej], [ow] e [uw]. O objetivo deste trabalho é verificar os motivos fonético-fonológicos que desencadeiam estes processos no PB. Pretende-se investigar estes fenômenos experimentalmente e com base em corpora constituído de palavras existentes do PB e pseudos palavras (também chamadas de não-palavras) que sejam compatíveis com o léxico do PB. Além disso, o programa MaxEnt será usado para fazer previsões sobre o fenômeno após modelagem a partir do quadro da Teoria da Otimalidade.