Busca avançada
Ano de início
Entree

Um estudo sobre preposition stranding e orphaning em falantes de português brasileiro

Processo: 18/24511-8
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de março de 2019
Vigência (Término): 31 de dezembro de 2019
Área do conhecimento:Linguística, Letras e Artes - Linguística - Sociolinguística e Dialetologia
Pesquisador responsável:Livia Oushiro
Beneficiário:Julia Bahia Adams
Instituição-sede: Instituto de Estudos da Linguagem (IEL). Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Campinas , SP, Brasil
Assunto(s):Sociolinguística   Sintaxe   Língua portuguesa   Português do Brasil

Resumo

A partir da observação de que estruturas semelhantes a preposition stranding - como em "é algo que vale a pena conversar sobre" - e orphaning - como em "não tenho opinião sobre" - vêm ocorrendo no português brasileiro (PB), propõem-se, neste projeto, o mapeamento e a descrição das ocorrências dessas estruturas em amostras de língua espontânea, a partir dos pressupostos teórico-metodológicos da Sociolinguística Variacionista (Labov, 2008 [1972]). Secundariamente, também se objetiva testar e avaliar novos métodos de coleta de dados sociolinguísticos em redes sociais online, a saber, no Facebook e no Twitter, por meio da plataforma R (R Core Team, 2018). Considerando-se que tais estruturas associam-se caracteristicamente ao inglês e ao francês, e tendo como pano de fundo a possibilidade de que tais construções em PB tenham resultado de contato linguístico por parte de falantes bilíngues, intenciona-se situar o stranding e o orphaning em relação a outras opções de posicionamento de preposição que mantenham o mesmo significado referencial, partindo-se da hipótese de que se trata de estruturas inovadoras no PB em suas fases iniciais de implementação. Nesse sentido, este trabalho dialoga com questões mais amplas, como a análise da variação sintática (Labov, 1978; Lavandera, 1978) e o problema da implementação (Weinreich, Labov & Herzog, 2006 [1968]), e constitui a base de uma pesquisa de maior fôlego que se intenciona desenvolver futuramente.