Busca avançada
Ano de início
Entree

A habitação e seu interior: um estudo sobre modernidade e domesticidade

Processo: 18/24709-2
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de fevereiro de 2019
Vigência (Término): 30 de setembro de 2019
Área do conhecimento:Ciências Sociais Aplicadas - Arquitetura e Urbanismo - Fundamentos de Arquitetura e Urbanismo
Pesquisador responsável:Aline Coelho Sanches Corato
Beneficiário:Daniela Sarone Fiori
Instituição-sede: Instituto de Arquitetura e Urbanismo de São Carlos (IAU). Universidade de São Paulo (USP). São Carlos , SP, Brasil
Assunto(s):História da arquitetura   Arquitetura moderna   Modernidade   Século XX   Século XIX   Estudo comparativo

Resumo

O presente projeto de pesquisa é desdobramento de um interesse pelas questões trazidas pela modernização, fundamentada na lógica de desenvolvimento capitalista, e os processos sociais que foram construídos a partir do cenário de experimentações, principalmente no campo da arquitetura, dos séculos XIX e XX, com foco em um dos mecanismos da modernidade - o interior moderno - trazendo as questões e debates culturais fomentados neste período para o cenário cultural e arquitetônico brasileiro do pós Segunda Guerra Mundial. Através deste trabalho, pretendemos compreender as transformações no modo de morar, promovidas pela Arquitetura Moderna, analisando como os arquitetos lidavam com a problemática dos interiores tanto em seus discursos quanto em seus projetos. Para tanto pretendemos estudar os escritos e as representações das obras de Affonso Eduardo Reidy, Lina Bo Bardi e Vilanova Artigas, investigando os ideais envolvidos na concepção da ideia de casa e de interior moderno através do estudo comparativo entre duas diferentes tipologias projetadas por eles: a casa do arquiteto e a casa popular. Com isso, pretendemos estimular uma nova abordagem dos estudos relacionados ao interior moderno, ainda hoje pouco difundido nos círculos científicos brasileiros.