Busca avançada
Ano de início
Entree

Desempenho global e funcional de crianças com Transtorno do Espectro Autista usuárias de implante coclear

Processo: 18/21349-5
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado
Vigência (Início): 01 de março de 2019
Vigência (Término): 31 de outubro de 2019
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Fonoaudiologia
Pesquisador responsável:Adriane Lima Mortari Moret
Beneficiário:Emille Mayara Scarabello
Instituição-sede: Faculdade de Odontologia de Bauru (FOB). Universidade de São Paulo (USP). Bauru , SP, Brasil
Assunto(s):Linguagem   Transtorno do espectro autista   Implante da cóclea

Resumo

O Transtorno do Espectro Autista (TEA) é definido como um distúrbio de desenvolvimento que atinge áreas de interação social, linguagem e cognição. Existe uma incidência comprovada de indivíduos deficientes auditivos com diagnóstico de TEA. O que é muito comum ocorrer nos casos de TEA associado à perda auditiva é que a realização do diagnóstico de uma condição pode mascarar e atrasar o diagnóstico da outra condição. Dessa maneira, é muito importante identificar qual a ferramenta mais apropriada para avaliar os resultados do desenvolvimento de linguagem oral em relação aos seus diversos aspectos nesta população. Diante do exposto este estudo tem como objetivo o desempenho de crianças usuárias de implante coclear com diagnóstico de Transtorno do Espectro Autista quanto à percepção auditiva da fala, a linguagem, as habilidades comunicativas, o comportamento comunicativo, as habilidades funcionais e ao desenvolvimento global, e comparar o desempenho destas crianças ao desempenho de crianças usuárias de implante coclear sem outras deficiências associadas quanto às habilidades citadas. O estudo será realizado na Seção de Implante Coclear - Centro de Pesquisas Audiológicas do Hospital de Anomalias Craniofaciais da Universidade de São Paulo na cidade de Bauru (Seção IC-CPA/HRAC/USP). Os dados audiológicos e as variáveis a serem estudados e correlacionados serão: audiometria em campo livre com implante coclear, limiar de detecção de fala com implante coclear, MUSS - Meaningful Use of Speech Scales e classificação quanto às categorias de linguagem expressiva. Durante a avaliação serão utilizados os seguintes instrumentos: teste de linguagem infantil nas áreas de Fonologia, vocabulário, fluência e pragmática - ABFW e Teste de Vocabulário de Imágenes Peabody: adaptación hispano-americana, Inventario do Desenvolvimento de Habilidades Comunicativas MacArthur - Primeiras Palavras de Gestos, Observação do Comportamento Comunicativo (OCC), Inventário de Avaliação Pediátrica de Incapacidade - PEDI, Denver Development Screening Test II - DDST II e Childhood Autism Rating Scale. (AU)