Busca avançada
Ano de início
Entree

Estudo do silenciamento do receptor AT1a na autofagia e mitofagia em cultura primária de células de músculo esquelético

Processo: 18/25661-3
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de março de 2019
Vigência (Término): 31 de dezembro de 2019
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Farmacologia - Farmacologia Bioquímica e Molecular
Pesquisador responsável:Roberta Sessa Stilhano Yamaguchi
Beneficiário:Cynthia Silva Bartolomeo
Instituição-sede: Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa de São Paulo (FCMSCSP). Fundação Arnaldo Vieira de Carvalho. São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Autofagia   Músculo esquelético   Degradação mitocondrial   Regeneração muscular   Homeostase

Resumo

As células possuem mecanismos próprios para manutenção de sua homeostase. A autofagia baseia-se na autodestruição e na eliminação seletiva de componentes intracelulares disfuncionantes, nos quais a célula realoca nutrientes desnecessários para processos mais essenciais. A mitofagia é o sequestro da mitocôndria pelo autofagossomo seguido pela sua degradação nos lisossomos. Tanto a autofagia como a mitofagia são essenciais para manutenção da homeostase da miofibra, por isso é muito importante o estudo dessas vias na célula muscular. Em casos de lesões musculares profundas, o processo de regeneração pode acontecer de forma imperfeita com a formação de um tecido cicatricial fibroso mais frágil e menos funcional que pode causar sequelas graves como perda da atividade locomotora e dor crônica. Dessa forma, a busca de fatores que diminuam o processo de fibrose e permitam uma maior regeneração muscular são de grande relevância clínica.A sinalização da Angiotensina II (Ang II) através do seu receptor AT1 (rAT1) tem um papel pró-fibrótico e o uso de bloqueadores desse receptor ou o seu silenciamento pela técnica de interferência por RNA tem mostrado benefícios na regeneração muscular e redução da fibrose. Os fibroblastos e mioblastos são as principais células que participam da regeneração muscular e compreender como o silenciamento do rAT1 atua nessas células em relação a proliferação, expressão de genes fibrogênicos e miogênicos trará esclarecimentos acerca do processo de fibrose.A autofagia e a mitofagia estão diretamente envolvidas no processo de regeneração muscular e entender o papel do rAT1 na modulação desses processos é um dos principais objetivos do projeto. Além disso, a descoberta do mecanismo de modulação da autofagia e mitofagia abrirá uma janela de oportunidades no desenvolvimento de futuros alvos terapêuticos no contexto da regeneração muscular. Dessa forma, o projeto visa esclarecer os mecanismos de ação da Ang II na modulação da autofagia e mitofagia em fibroblastos e mioblastos derivados de músculo esquelético murino.