Busca avançada
Ano de início
Entree

O papel das barras na alimentação de AGNs

Processo: 18/24967-1
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de março de 2019
Vigência (Término): 28 de fevereiro de 2021
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Astronomia - Astrofísica Extragaláctica
Pesquisador responsável:Lucimara Pires Martins
Beneficiário:Luiz Albérico da Silva Lima
Instituição-sede: Centro de Ciências Exatas e Tecnológicas. Universidade Cruzeiro do Sul (UNICSUL). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Barras   Galáxias ativas

Resumo

O fenômeno da atividade nuclear é entendido como o resultado da alimentação com gás e estrelas de buracos negros supermassivos (SMBHs) em núcleos galáticos. Um dos maiores desafios atuais é entender como os núcleos ativos de galáxia (AGNs) podem ser alimentados durante seu tempo de vida. A busca por um mecanismo de alimentação universal tem sido feita buscando assinaturas morfológicas na nas regiões dos kpc centrais de AGNs próximos com alta resolução espacial (de algumas centenas de pc), apesar de que com pouco sucesso. Um dos mecanismos mais sugeridos como responsável por esse fenômeno são as barras em galáxias. Pretendemos utilizar a amostra estudada por Gadotti (2009), que contem todas as galáxias do Data Release 2 do Sloan Digital Sky Survey (SDSS), para as quais ele realizou uma decomposição bidimensional bojo/disco/barra, e que contém espectros disponíveis para a classificação da atividade nuclear. A amostra final contém 575 galáxias. Gadotti (2009) fornece parâmetros estruturais confiáveis, como massa estelar total, massa estelar do bojo, raio efetivo do bojo, parâmetros estruturais bojo/total e da barra. Através da análise cuidadosa desses parâmetros em galáxias classificadas como normais, Seyferts e LINERs, pretendemos entender se existe algum tipo de correlação entre a atividade nuclear a existência ou não de barras.