Busca avançada
Ano de início
Entree

Avaliação de polifenóis, antocianinas e capacidade antioxidante do suco de açaí

Processo: 19/03491-1
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Programa Capacitação - Treinamento Técnico
Vigência (Início): 01 de abril de 2019
Vigência (Término): 31 de março de 2020
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Biologia Geral
Pesquisador responsável:Elisa Mieko Suemitsu Higa
Beneficiário:Danielle Usmari de Moraes
Instituição-sede: Escola Paulista de Medicina (EPM). Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP). Campus São Paulo. São Paulo , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:17/09777-9 - Avaliação de microRNAs em pacientes diabéticos tipo 2 suplementados com suco de açaí, AP.R
Assunto(s):Açaí   Polifenóis   Antioxidantes   Antocianinas

Resumo

Introdução: O açaí é uma fruta natural da Amazônia, tem sido recentemente estudado e considerado como alimento funcional devido ao seu alto teor de antioxidantes, podendo trazer benefícios a saúde. O extrato seco de açaí contém aproximadamente 13% de proteínas, 48% de lipídeos, 1,5% de açúcares totais e outros nutrientes como lignanas, fibras, vitaminas (E, B1), fosfato, magnésio, fósforo, cálcio e polifenóis. Os principais polifenóis encontrados no açaí são as antocianinas e as proantocianidinas, especificamente a cianidina 3-O-glicosídeos e a cianidina 3-O-rutenosídeo, além de outros flavonoides. Estudos com o açaí demonstraram propriedades anti-inflamatórias, cardioprotetora, antioxidante, antitumorigênicas e capacidade antiproliferativa. Antioxidantes são substâncias vitais, pois podem proteger o organismo dos danos causados pelo estresse oxidativo, podendo remover ou neutralizar radicais livres. Objetivo: avaliar o conteúdo de polifenois, antocianinas e capacidade antioxidante do suco de açaí liofilizado. Metodologia: o produto será analisado em relação aos polifenois totais pelo método do reagente de Folin-Ciocalteau. As antocianinas serão quantificadas pelo método de pH diferencial e a capacidade antioxidante total será determinada pelo método de 2,2-difenil-1-picril-hidrazila (DPPH). Os resultados serão descritos como média ± erro padrão, com significância estatística de p<0,05.