Busca avançada
Ano de início
Entree

Indicadores de inovação social: proposição de modelo teórico para análise de sistemas de produção de qualidade

Processo: 18/18294-4
Linha de fomento:Bolsas no Exterior - Pesquisa
Vigência (Início): 20 de junho de 2019
Vigência (Término): 19 de dezembro de 2019
Área do conhecimento:Ciências Sociais Aplicadas - Administração - Administração de Setores Específicos
Pesquisador responsável:Giuliana Aparecida Santini Pigatto
Beneficiário:Giuliana Aparecida Santini Pigatto
Anfitrião: Gianluca Brunori
Instituição-sede: Faculdade de Ciências e Engenharia. Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Tupã. Tupã , SP, Brasil
Local de pesquisa : Università di Pisa, Itália  
Assunto(s):Inovação social   Desenvolvimento rural   Certificação

Resumo

No contexto do Brasil - um país em desenvolvimento cuja área de extensão rural e condição climática são favoráveis à produção diversificada de culturas agropecuárias -, a produção de culturas com a Identificação Geográfica e o uso de certificações para a qualidade (e que envolvam a sustentabilidade) em áreas socialmente desfavorecidas podem levar ao desenvolvimento rural, por meio de um processo de inovação social, com a reconexão dos atores, revalorização do território e a produção de qualidade. Todavia, como pontua Bund et al. (2015) e Reeder et al. (2012), a importância crescente da inovação social nos círculos políticos e na academia torna necessário explorar formas de como as métricas podem ser aplicadas, além dos fatores econômicos. Ainda, de acordo com Benedek et al. (2016), análises empíricas mostram que existe uma correlação significativa entre o potencial econômico e de inovação de uma determinada região; isso porque os territórios mais inovadores teriam maior desempenho do que as regiões carentes de inovação. Assim, com base na importância de sistemas de produção de qualidade e na necessidade de uma melhor investigação dos indicadores de inovação social (IIS) em nível regional para o alcance do desenvolvimento rural, este projeto de pesquisa tem a seguinte problematização: Quais indicadores de inovação social poderiam ser utilizados em análises de sistemas de produção de qualidade, visando-se contribuir ao desenvolvimento rural (incluindo-se também os ganhos econômicos)? O objetivo é a análise de indicadores de inovação social e de resultantes (principalmente social e econômico) de sistemas de produção de qualidade, propondo-se um modelo teórico de medição de inovação social, visando-se ao desenvolvimento rural. Especificamente, visa: analisar os IIS existentes; avaliar as características da valoração social e econômica em sistemas de produção de qualidade de países desenvolvidos; propor um modelo de análise de IIS que possa ser aplicado em sistemas de produção de qualidade em países em desenvolvimento, baseado na aprendizagem de sistemas de produção de qualidade dos países desenvolvidos. Os procedimentos metodológicos envolverão: uma investigação teórica sobre o tema do IIS; levantamento bibliográfico sobre as experiências de sistemas de produção agropecuários voltados à qualidade; pesquisa documental; a observação direta do pesquisador em sistemas italianos de produção de qualidade; proposição do modelo de análise de IIS, aplicável a sistemas de qualidade em países em desenvolvimento, baseado na aprendizagem de sistemas de produção de qualidade de países desenvolvidos. O desenvolvimento desta pesquisa trará contribuições teóricas e empíricas a partir das quais incluem indicadores do ambiente sistêmico e dos aspectos intangíveis de inovações (como inovação social) em territórios de desenvolvimento rural, fomentando políticas públicas e privadas em países desenvolvidos e em desenvolvimento.

Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.