Busca avançada
Ano de início
Entree

Fotoproteção de células da retina utilizando pigmentos naturais encapsulados em lipossomas

Processo: 19/03134-4
Linha de fomento:Bolsas no Exterior - Estágio de Pesquisa - Doutorado Direto
Vigência (Início): 30 de abril de 2019
Vigência (Término): 29 de abril de 2020
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Química - Química Orgânica
Pesquisador responsável:Erick Leite Bastos
Beneficiário:Caroline de Oliveira Machado
Supervisor no Exterior: Elizabeth Richebourg Gaillard
Instituição-sede: Instituto de Química (IQ). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Local de pesquisa : Northern Illinois University, DeKalb (NIU), Estados Unidos  
Vinculado à bolsa:15/24760-0 - Efeito de pigmentos vegetais antioxidantes sobre a viabilidade de células submetidas a estresse oxidativo fotoinduzido, BP.DD
Assunto(s):Antioxidantes

Resumo

A degeneração macular e a distrofia macular viteliforme são distúrbios oculares que comprometem a visão central, a nitidez da imagem da retina e a visualização das cores. Essas doenças têm sido associadas ao acúmulo de lipofuscina e de seu principal componente, N-retinilideno-N-retiniletanolamina (A2E), nas células do epitélio pigmentar da retina (RPE) causando dano celular foto-oxidativo. Neste projeto, propomos o uso de pigmentos vegetais encapsulados em lipossomas para prevenir os efeitos deletérios da fotossensibilização A2E nas células da retina. Preparamos pequenas vesículas unilamelares contendo antocianinas, betalinas e carotenóides que absorvem a luz do ultravioleta próximo ao laranja e inativam a maioria das espécies reativas oxidastes, incluindo oxigênio singlete, íon superóxido e radicais à base de nitrogênio. Durante a colocação da pesquisa na NIU, sob a supervisão da Prof. Elizabeth Gaillard, a capacidade deste sistema para prevenir a morte de células RPE induzida por agentes oxidantes será avaliada e o mecanismo de fotoproteção será investigado usando espectrometria de massas e espectroscopia resolvida no tempo. Prevemos que os resultados contribuam para o desenvolvimento de métodos não invasivos na prevenção de fotodanos da retina e, possivelmente, resultem em uma formulação antioxidante segura para uma aplicação mais ampla.

Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.