Busca avançada
Ano de início
Entree

Disponibilidade de fósforo no solo, estado nutricional e produção de soqueira de cana-de-açúcar adubada com fósforo protegido por polímeros

Processo: 18/12271-2
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de abril de 2019
Vigência (Término): 31 de março de 2020
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Agronomia - Ciência do Solo
Pesquisador responsável:Reges Heinrichs
Beneficiário:Igor Virgilio Ribeiro
Instituição-sede: Faculdade de Ciências Agrárias e Tecnológicas. Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Dracena. Dracena , SP, Brasil
Assunto(s):Nutrição vegetal   Adubação   Fertilidade do solo   Fertilizantes fosfatados   Polímeros (materiais)   Soqueira   Cana-de-açúcar   Estado nutricional

Resumo

O Brasil é o maior produtor mundial de cana-de-açúcar, com mais de 9 milhões de hectares plantados na safra 2015/2016, o que representa 2,3% da área agrícola do País. A cultura exige solos férteis para alta produtividade, com grande ênfase em relação ao fósforo devido à carência generalizada nos solos brasileiros. O objetivo do trabalho é avaliar a adubação com fertilizante fosfatado protegido por polímeros em soqueira de cana-de-açúcar, na disponibilidade de fósforo no solo, estado nutricional das plantas e produção de colmos. O experimento será conduzido na Unidade produtora de uma usina sucroenergética, na região Oeste do Estado de São Paulo. O delineamento experimental será em blocos casualizados com quatro repetições. Os tratamentos serão arranjados em esquema fatorial 2 x 5, composto por duas fontes de fósforo (fosfato monoamônio e fostato monoamônio protegido por polímeros) e cinco doses de fósforo (0, 20, 40, 60, 80 kg/ha de P2O5). Serão avaliados os seguintes parâmetros: Teor de macronutrientes e micronutrientes na folha diagnose, fósforo no solo (Resina, Mehlich 1 e Total), produção de colmos e avaliação visual do experimento. Todos os resultados serão avaliados estatisticamente pela análise da variância, interação entre os fatores, comparação de médias pelo teste de Tukey para as fontes e regressão para as doses.