Busca avançada
Ano de início
Entree

Avaliação do potencial de filmes de alginato de sódio contendo curcumina encapsulada em nanopartículas de quitosana associados à terapia fotodinâmica para o tratamento de biofilmes orais

Processo: 18/23096-7
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de maio de 2019
Vigência (Término): 31 de julho de 2020
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Farmácia - Farmacotecnia
Pesquisador responsável:Marlus Chorilli
Beneficiário:Amanda Letícia Polli Silvestre
Instituição-sede: Faculdade de Ciências Farmacêuticas (FCFAR). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Araraquara. Araraquara , SP, Brasil
Assunto(s):Nanopartículas poliméricas   Terapia fotodinâmica   Curcumina

Resumo

A cavidade oral é constituída por várias espécies de microrganismos, dentre eles Streptococcus mutans e Candida albicans são os mais predominantes e encontram-se organizados na forma de biofilme, podendo causar cáries, doenças periodontais, candidíase, infecções endodônticas, entre outras. O tratamento convencional para remoção desses biofilmes orais consiste na sua remoção mecânica (processo físico) associada à administração sistêmica de antimicrobianos, que causa vários efeitos colaterais ao paciente, além de ser um potencial causador de resistência microbiana. Diante desse contexto, terapias alternativas têm sido desenvolvidas para o tratamento de doenças na cavidade oral, dentre elas, a Terapia Fotodinâmica (TFD), que é feita com a utilização de um fotossensibilizante (FS), como a curcumina (CUR). No entanto, a CUR apresenta a limitação de ser um composto hidrofóbico e que sofre rápida degradação quando exposta à condições específicas de luz, temperatura, oxigênio, condições alcalinas. Uma estratégia para superar essas desvantagens é sua incorporação em nanopartículas poliméricas (NPs), que oferecem importantes benefícios como, melhoria da solubilidade, da ação farmacológica e proteção contra a degradação. A incorporação de NPs@CUR em filmes de alginato de sódio (FA), um polímero com reconhecidas propriedades mucoadesivas, deve contribuir significantemente para adesão do sistema na cavidade oral, otimizando a aplicação da TFD e a ação antimicrobiana. O presente trabalho tem como objetivo a avaliação do potencial de filmes de alginato de sódio contendo CUR encapsulada em nanopartículas de quitosana associados à TFD para o tratamento de biofilmes orais. As NPs serão caracterizadas empregando análise de diâmetro hidrodinâmico médio, polidispersidade, potencial zeta, microscopia eletrônica de varredura, eficiência de encapsulação do FS, análise de calorimetria exploratória diferencial, termogravimetria e fotodegradação por tempo de irradiação. Já os filmes bucais serão caracterizados empregando o perfil de intumescimento, determinação da espessura, da permeabilidade ao vapor de água e das propriedades mecânicas e bioadesão. O sistema final (FAS/NPs@CUR) será submetido a estudos de liberação in vitro e ensaios biológicos in vitro. Espera-se, desta forma, obter um sistema estável, com tamanho de partículas adequado, uniforme e com eficácia antimicrobiana.

Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.